Movimento nas rodovias da região foi tranquilo, diz comando da PRE

A equipe do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) concluiu na noite de segunda-feira, 12, a Operação Padroeira, que tinha como objetivo fiscalizar as rodovias da região durante o feriado de Nossa Senhora Aparecida. Conforme a equipe policial, o  movimento durante os quatro dias de feriado foi tranquilo.

De acordo com o comandante do posto da PRE em Cianorte, subtenente Sergio Dinardi, o tráfego seguiu a margem dos anos anteriores. “No geral ficou na média, como os anos anteriores. Houve, mais ou menos, 25% de aumento no tráfego no sábado pela manhã e segunda à tarde e início da noite”, afirmou.

Com relação aos números de acidentes nas rodovias de abrangência do Posto da Polícia Rodoviária Estadual, durante o feriado, em 2019 não foram registrada ocorrências. Já no ano anterior, em 2018, os patrulheiros registram três acidentes com sete pessoas feridas.

Já em 2020, Segundo o subtenente, foi registrado um acidente com três feridos.

Acidente 

O acidente registrado durante o feriado aconteceu no quilômetro 498 da PR-082, no primeiro dia de operação. Foi por volta das 21 horas do dia 9, sexta-feira, que um Ford/Del Rey, que seguia de Rondon a Indianópolis colidiu frontalmente com um GM/Monza que seguia em sentido contrário.

Conforme informações da BPRv, o condutor e dois passageiros do GM/Monza foram encaminhados com ferimentos leves para a Fundação Hospitalar do Paraná (Fundhospar), antiga Santa Casa de Cianorte. Já condutor do Ford/Del Rey fugiu do local e não foi localizado.

Paraná

O Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) registrou uma queda de 11,11% nas mortes durante os quatro dias da operação Padroeira 2020. O comparativo é em relação ao mesmo período do ano passado, com acréscimo de um dia no feriado deste ano. Foram registradas oito mortes, contra nove no mesmo período do ano passado, mesmo com um dia a mais.

A fiscalização iniciou às 14 horas de sexta-feira (09) e foram até as 23h59 de segunda-feira (12), com reforço de policiamento nas rodovias estaduais que cortam o Paraná. Como o feriado foi prolongado, a Operação Padroeira registrou um aumento de 12,73% no número de acidentes em todo o estado (de 55 subiu para 62), assim como um número maior de feridos (de 67 para 72), aumento de 7,46%.

Nas rodovias estaduais que cortam o Litoral, houve redução dos principais índices. Os acidentes tiveram queda de 25% (de 4 caiu para 3), os feridos tiveram queda de 16,67% (de 6 caiu para 5) e nos dois anos, nenhum óbito foi registrado nas vias.

De acordo com o oficial de Relações Públicas da unidade, tenente Sidinei Hudach, o comportamento dos motoristas e demais usuários das rodovias influenciou no aumento nos índices. “A fiscalização foi incrementada com policiamento em todo o Estado, mas, mesmo assim, a imprudência dos motoristas continua resultando em acidentes, feridos e mortos”, disse.

O trabalho preventivo do BPRv alcançou mais de 12 mil quilômetros de estradas estaduais e envolveu o efetivo operacional e administrativo das seis companhias estabelecidas nas regiões do Estado. O policiamento foi focado em pontos estratégicos e onde havia mais incidência de acidentes e de infrações por excesso de velocidade, embriaguez ao volante, entre outros delitos de trânsito.

Ao longo dos principais trechos das estradas, o BPRv fez fiscalizações para coibir o excesso de velocidade, utilizando radares móveis. Foram feitas 4.719 imagens de radar – 245,97% a mais que o mesmo feriado do ano anterior, quando foram 1.364 imagens.

As autuações de infração de trânsito feitas pelos policiais rodoviários neste feriado chegaram a 1.768, um aumento de 89,29% em comparação com o ano anterior, quando foram 934 infrações lavradas.

As ações de combate à embriaguez ao volante, seja por abordagens preventivas ou flagrantes, resultaram em seis autuações pelo artigo 165 (multa) e outras duas pelo artigo 306 (prisão do motorista), ambos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). No mesmo feriado do ano passado, foram 10 infrações pelo artigo 165 e quatro pelo artigo 306.

Nas estradas que levam ao Litoral, as imagens por radar passaram de 95 em 2019 para 444 neste ano, um aumento de 367,37%, e as autuações de infração de trânsito tiveram um aumento de 51,61% (de 62 no ano passado para 94 em 2020).

“O batalhão vem percebendo nas últimas semanas um aumento no fluxo das rodovias, tanto para o Litoral, quando para o Interior. Por isso, de agora em diante, em todos os fins de semana a fiscalização será intensificada até o início da Operação Verão nas rodovias que levam até o Litoral do estado”, complementou o tenente Hudach.

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.