Dupla leva música e arte à periferia de Cianorte

Da Redação

Uma Kombi, um violão, e alguns brinquedos são o suficiente para a dupla Cintia Silva dos Santos (cantora), de 27 anos, e Leonides Carlos Taborda Quadra (Palhaço Tico Bonito), 38, levarem alegria, música e arte para quem está há muito tempo em casa, e sem acesso a cultura. O projeto Arte Delivery já foi apresentado em várias regiões periféricas de Cianorte, mas a ideia dos artistas é expandir para os municípios paraenses a alegria e oportunidade de rir e cantar. Tudo isso guardado em uma Kombi chamada, Camponesa das Araucárias.

A ideia surgiu esse ano, mas já era uma vontade dos dois. Juntos eles compraram uma Kombi, e com ajuda de parceiros, aos poucos, estão equipando tudo para pegarem a estrada. O projeto tem o objetivo de levar arte no portão das pessoas, mantendo o distanciamento e sem perder o olho no olho.

“Com o tempo eu percebi que o público que assistia os nossos espetáculos era seleto, exclusivo para quem tinha dinheiro, para quem pagava o ingresso. Eu sou da periferia e quis fazer isso para atender a pessoas iguais a mim”, contou o palhaço Tico Bonito.

A Kombi ajuda no transporte e a carretilha vira um palco dos espetáculos que  acontecem no meio da rua, com show musical e uma apresentação de palhaçaria de circo, de uma forma adaptada por eles com todas as orientações para a prevenção da Covid-19.

“A primeira apresentação foi feita na Vila Sete, no meio da pandemia. Resolvemos fazer dessa forma, nós andávamos pelas ruas dos bairros e  quando víamos uma família próxima ao portão, oferecíamos a apresentação”, contou Cintia.

“A parte da surpresa é o mais bacana em fazer isso. É maravilhoso passar na frente de uma casa, e apresentar. É maravilhoso”, ressaltou Tico Bonito.

O show é gratuito, a contribuição é voluntária através do Pix. Em outras situações, as apresentações podem ser agendadas e contratadas.

“A arte foi um dos setores mais prejudicados no meio da pandemia, precisamos de público, de aglomerações, o ser humano necessita de arte. Muitos foram os artistas que se reinventaram e se adaptaram ao mundo virtual para sustentarem suas famílias”, explicou Cintia.

Os artistas

Cintia mora em Cianorte e canta desde criança. Começou na igreja, depois foi premiada em alguns festivais da região Oeste e canta também em barzinhos. Ela está com um projeto solo e como vocalista do Duo Rádio Retro e da banda de samba/Jazz Timbó. Em 2019 ela organizou o Especial Elis Regina, e o Especial Marisa Monte, um dos maiores festivais de interpretação do Paraná.

Leonides Carlos é ator há 25 anos, conheceu a arte ainda na época do colégio e decidiu fazer isso para o resto da vida. Começou a estudar em 1996, depois se dedicou ao estudo de palhaçaria e apresentou diversos espetáculos pelo país, entre teatros e palcos abertos ao público.  Hoje Leonides também vive exclusivamente da arte.

Ajude o projeto

Para conhecer, contratar e ajudar o projeto, você pode entrar em contato pelo e-mail, [email protected] e [email protected]. E os números (44)999418781 e (45)999479130.

Sua ajuda pode ser enviada ao Pix do projeto: (45) 999479130

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *