Casos de dengue têm aumento de 10% em uma semana na região

A escalada da dengue nos 12 municípios da região segue sem controle. De acordo com boletim epidemiológico da doença divulgado na terça-feira, 5, pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), o número de casos da doença cresceu 10,7% em apenas uma semana na microrregião da Associação dos Municípios do Médio Noroeste do Estado do Paraná (Amenorte).

A região tem hoje 7.481 casos confirmados de dengue, 728 registros a mais do que o número revelado na semana anterior, quando foram registradas 6.753 confirmações.

Além disso, conforme o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) nesta terça-feira, 5, são 797 notificações a mais no período de uma semana, ou seja,  9.781 exames em análise em toda a região.

De acordo com informações do boletim, a região conta com cinco óbitos, três registrados em Cianorte e dois em Rondon.

Óbitos

A região apresenta cinco mortes por dengue registradas no boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesa). Três delas aconteceram em Cianorte.

A primeira morte ocorreu no dia 18 de março, trata-se de uma mulher de 50 anos sem comorbidades.

Dois dias depois, uma mulher de 39 anos faleceu. Ela também não apresentava nenhuma outra doença. Ela chegou a Unidade de Pronto Atendimento em estado grave e depois foi internada no Hospital Santa Casa por cerca de seis horas e não resistiu.

Já a terceira morte ocorreu no dia 10 de abril. Um homem de 74 anos tinha um quadro de dengue agravado, pois era paciente renal crônico. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Casa desde o dia 3.

Segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), em crianças e idosos o vírus da dengue pode interagir com doenças pré-existentes gerando um quadro mais grave e maiores complicações nas condições clínicas de saúde da pessoa.

Cianorte conta com 3.882 casos confirmados de dengue, conforme a Prefeitura da cidade.

Rondon conta com duas mortes por dengue registradas. A primeira aconteceu em janeiro, a vítima, uma mulher de 66 anos, faleceu no dia 12 a um quadro de dengue agravado devido à hipertensão e diabetes.

A vítima se sentiu mal durante no dia 11 de janeiro, e foi internada no Hospital de Rondon. Durante a noite, ela foi encaminhada para o Hospital Santa Casa, onde faleceu no dia seguinte.

O segundo caso foi confirmado pela Secretaria de Saúde do município no dia 14 de abril. Um homem de 57 anos faleceu. Ele apresentava hipertensão e insuficiência renal crônica. De acordo com informações da enfermeira da vigilância epidemiológica, Livia Rosa, ele fazia hemodiálise e passou mal, sendo encaminhado para o Hospital Santa Casa de Cianorte, onde faleceu.

De acordo com o último boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), divulgado na última terça-feira, 05, Rondon possui 9.534 habitantes, 306 notificações de dengue e 130 casos confirmados.

Cianorte

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a Capital do Vestuário conta com 3.882 casos confirmados de dengue. Na última semana o número de casos cresceu 7% com 259 novas confirmações.

Em 2020, o mês que mais apresentou números confirmados foi março, com 2.021 casos de dengue. E janeiro, contou com o menor número, 123 casos. Até o momento, maio possui 107 registros. 

Conforme dados da Sesa, a média semanal no aumento de número de casos de dengue é de 232 novos casos em Cianorte, durante o último mês. Desde a primeira semana de abril até a primeira semana de maio, foram registrados 928 casos.

 

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp. Basta acessar o link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.