Patrimônio dos cinco candidatos a prefeito equivale a 21% do orçamento de Cianorte

Os cinco candidatos a prefeito de Cianorte têm juntos um patrimônio declarado de pouco mais de R$ 70, 3 milhões. Esse valor, representa pouco mais de 21% do orçamento previsto para o município de Cianorte em 2020. Os valores constam da declaração de bens apresentados por cada um dos candidatos junto à Justiça Eleitoral.

Entre os candidatos o que têm o maior patrimônio é o empresário Marco Franzato (PSD) da coligação Cianorte a Mudança é Agora. O candidato do PSD à Prefeitura de Cianorte declarou ter um patrimônio de pouco mais de R$ 65 milhões. Além da participação em várias empresas, o empresário também declara ser proprietário de imóveis rurais e urbanos.

Entre os postulantes ao principal cargo do município, o que tem o menor patrimônio declarado é candidato do PT. Abel Gonçalves da Cruz Júnior, o Professor Domingos tem R$ 1,5 mil de patrimônio declarado. Em sua declaração de bens, consta apenas uma motocicleta ano 1990.

O candidato da coligação Compromisso com o Povo, Eliab Vieira Moreno (PP), tinha um patrimônio declarado de quase R$ 5 milhões na Justiça Eleitoral até por volta das 14 horas de ontem, 28. Entres seus bens declarados à Justiça Eleitoral constavam imóveis rurais e urbanos. No entanto, por volta das 14h40 minutos, o sistema da Justiça Eleitoral foi atualizado, e com a alteração, uma nova declaração de bens foi registrada.

De acordo com o site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR), o patrimônio de Eliab Vieira é de R$ 1,3 milhão. Na atualização, a reportagem conseguiu apurar que um imóvel avaliado em R$ 2,5 milhões foi retirado de sua declaração de bens.

No entanto, por volta das 15h20, o sistema da Justiça Eleitoral foi novamente atualizado, e a declaração de bens do candidato do PP voltou a registrar uma patrimônio de R$ 4,9 milhões. No novo registro, o imóvel anteriormente retirado da declaração foi novamente incorporado aos seus bens.

Procurado pela reportagem, o chefe da Central de Atendimento da 88ª Vara Eleitoral de Cianorte, Rodrigo Nicolini Dias, informou que os candidatos podem fazer eventuais retificações em suas declarações de bens. Não há prazo para essas alterações.

Já o contador da campanha de Eliab Moreno, Eduardo Modena reafirmou que o valor total declarado pelo candidato é R$ 4,9 milhões. Ele não soube informar porque houve mudanças ao longo do dia na declaração do progressista, e atribuiu a alguém do partido (responsável pelo registro das informações junto à Justiça Eleitoral) à incoerência nas informações. Modena chegou  enviar uma cópia da declaração para a redação da TRIBUNA DE CIANORTE com  a lista de bens detalhada.     

O ex-chefe do Núcleo Regional de Educação, professor Carlos Destefano (PV) declarou ter R$ 354 mil em patrimônio. Da sua lista constam, entre outras coisas, aplicações bancárias e um imóvel urbano. Dos cinco candidatos ele é o que tem o terceiro maior patrimônio.

Já o candidato pela Rede, o atual vereador Vítor Hugo Davanço declarou à Justiça Eleitoral ter um patrimônio avaliado em R$ 60 mil. Em sua declaração constam alguns veículos e aplicações financeiras.

Vices

Entre os candidatos a vice-prefeito, o que tem o maior patrimônio é a professora Ana Floripes, candidata na chapa do também professor Carlos Destefano, pelo PV. A professora declarou ter um patrimônio de R$ 496 mil. Já o auxiliar de escritório Cícero Augusto Gomes da Silva, ou simplesmente Cícero Augusto, como aparece registrado no site do TRE-PR, tem o menor patrimônio entre os candidatos a vice. O candidato do PT declarou um patrimônio de R$ 4,7 mil. Na sua declaração está declaradas a propriedade de uma motocicleta ano 2010 e um investimento financeiro. WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *