Agenda Parlamentar do Crea aponta três‘ carências’ para Cianorte

Três Estudos Básicos de Desenvolvimento Municipal (EBDM) de demandas identificadas em Cianorte se tornaram propostas para os planos de governo dos candidatos à prefeitura da cidade. As sugestões integram o programa “Agenda Parlamentar – O Paraná em Debate” do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR),apresentado aos prefeituráveis no final de outubro. Desenvolvidos por profissionais especializados das Entidades de Classe parceiras do Conselho, as publicações trazem diagnósticos de problemas e soluções na implantação de políticas públicas no campo das Engenharias, Agronomia e Geociências.

Instrumento de referência para o planejamento da administração pública, os EBDMs seguem a metodologia de elaboração de um plano plurianual de gestão. No Paraná, foram desenvolvidos mais de 200 estudos municipais em diversas áreas, sendo três deles para Cianorte com os temas: Arborização Urbana (mapeamento, plantio, corte e substituição das árvores existentes e de novos loteamentos), Anel Viário do Contorno Leste na PR-323 e Plano Integrado de Gerenciamento de Resíduos da Construção Civil. As publicações foram elaboradas em parceria com a Associação Regional dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Cianorte (Arearc).

A publicação sobre a arborização urbana de Cianorte desenvolvida pelo Engenheiro Agrônomo, Silvério Candido da Silva, avaliou aspectos da legislação municipal sobre o tema e a necessidade do manejo das árvores na cidade. Assim, o EBDM recomenda a adoção de critérios e procedimentos claros para a poda e a substituição da arborização urbana, para reforçar os impactos positivos e minimizar os negativos da presença das árvores na cidade, reduzindo a ocorrência de conflitos e a demanda do poder público pela sociedade.

“O objetivo desta Agenda Parlamentar é despertar o interesse das lideranças políticas, dos munícipes e seus líderes comunitários pela causa e debater esta realidade, elaborando propostas de manejo, ampliação e renovação de nossa arborização urbana, contribuindo para melhorar a qualidade de vida dos cianortenses”, destaca o Engenheiro.

Para o presidente do Crea-PR, Engenheiro Civil Ricardo Rocha, o programa Agenda Parlamentar 2020 defende os princípios de gestão democrática e de cooperação, além de abrir espaço para fomentar a participação dos profissionais jurisdicionados ao Conselho nas gestões públicas. A ação é direcionada aos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e às lideranças municipais, estaduais e nacionais.

“Nesta etapa o foco são os candidatos com a sugestão de que as propostas sejam incorporadas aos Planos de Governos, para 2021, vamos atuar junto às associações de municípios, Câmaras de vereadores e a Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). Na esfera federal, atuaremos com a bancada paranaense na Câmara dos Deputados e Senado Federal, para que a Agenda Parlamentar seja analisada e que os federais destinem recursos e projetos para as propostas apresentadas”, diz.

Além dos Estudos Básicos de Desenvolvimento Municipal, o programa Agenda Parlamentar também é composto por 40 Cadernos Técnicos temáticos de diversas áreas, disponíveis para acesso no site: https://agendaparlamentar.crea-pr.org.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *