Rapaz de 27 anos diz que começou a traficar devido à crise financeira

Um homem de 27 anos foi preso pela Polícia Militar (PM) por tráfico de drogas, na quinta-feira, 2, por volta das 16h30, em Cianorte. Na residência do rapaz foram encontrados mais de R$3 mil, três porções grandes de cocaína, outras 20 buchas da droga, além de outros itens usados pelo traficante. O detido chegou a informar à polícia que vende as drogas devido à “crise financeira que o país está passando”.

A abordagem ao rapaz ocorreu quando ele estava trafegando em alta velocidade na Avenida Coruja, Zona 8, com seu veículo GM/Celta prata. Ao notar a presença da polícia, o rapaz tentou fugir, mas foi cercado.

De acordo com informações da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), em busca pessoal, a equipe encontrou um aparelho celular e R$ 100. Dentro do veículo foram encontrados mais R$ 150 espalhados próximo ao volante, além de um protetor auricular, três unidades pequenas e uma um pouco maior de cocaína, totalizando cerca de 12 gramas.

Após a revista, o homem recebeu voz de prisão. Na residência do rapaz, situada no Jardim Santa Mônica 2, a equipe fez contato com a esposa do detido que autorizou as buscas.

Conforme a equipe da 5ª CIPM, no quarto do homem, dentro de seu guarda-roupa, foram localizados uma sacola com potes que armazenavam a cocaína e materiais utilizados para o comércio da droga: três porções da droga, cerca de 306 gramas; outras 20 porções pequenas, já prontas para a comercialização, totalizando cerca de 19 gramas; duas facas de serra; uma colher; uma tesoura; dois rolos usados de fita isolante; um rolo de fita adesiva transparente; duas balanças de precisão; três pedaços de folhas de papel com anotações referentes ao tráfico de drogas.

Além destes itens, os policiais ainda localizaram R$3.050,00, valor que o detido não soube indicar a origem.

O homem junto às drogas, o veículo e todo material apreendido, foi encaminhado para a 21ª Subdivisão Policial para os procedimentos cabíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *