Prefeitos reivindicam ampliação de leitos de UTIs nos hospitais referência 

Da Redação

Prefeitos dos municípios que compõem a Associação dos Municípios do Médio Noroeste do Paraná (Amenorte) se reuniram por vídeo conferência, na quinta-feira, 27, com o secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto para discutir novas medidas de enfrentamento à pandemia. As lideranças solicitaram a ampliação do número de vagas nos hospitais de referência que atendem pacientes com Covid-19, e buscaram se alinhar para adoção de medidas administrativas e sanitárias para conter o avanço da doença.

Um dos prefeitos que participou da reunião foi o prefeito de Tuneiras do Oeste Taketoshi Sakurada, o Boia, que publicou um novo decreto no dia 28 de maio, com medidas restritivas no seu município. O índice de letalidade da cidade atingiu os 2,31% com 627 casos confirmados e 14 mortes até o dia 31 de maio.

“Fizemos reivindicações para melhorias no Hospital São Paulo e Santa Casa, em Cianorte. O secretário (Beto Preto) informou que vai pedir um levantamento para ver o que é possível, mas alertou que o Paraná esta saturado com hospitais lotados e sem vagas para internamento e UTI. A nossa macrorregião está com filas de pacientes para internamento e vagas”, desbafou o prefeito de Tuneiras do Oeste, Taketoshi Sakurada.

No mês de maio, o número de contaminados e internados pelo novo coronavírus também sofreu um aumento nas cidades da região. No último fim de semana sete pessoas morreram por complicações da doença na região.

Terra Boa conta com seis leitos de UTI e nove leitos clínicos para pacientes com Covid-19. Essas vagas também são administradas pelo Centro de Regulamentos de Leitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.