Final de ano de 2020 foi calmo nas rodovias, diz comandante da PRE

Da Redação com Agência Estadual

Durante o final de ano de 2020 e começo de 2021, a equipe do posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), localizado na PR-323, em Cianorte, registrou dois acidentes, cinco feridos e nenhuma morte. De acordo com o comandante do posto, o subtenente Sergio Dinardi, esse ano foi “extremamente calmo”.

Em 2020, devido à pandemia que teve início em março, o movimento nas rodovias diminuiu, o que prosseguiu até o final do ano. Pessoas optaram por ficar em casa e não trafegaram pelas rodovias locais.

“Tivemos um final do ano de 2020 extremamente calmo, tanto no Natal como no Ano Novo. Foram poucos acidentes, e não tivemos óbitos nos dois feriados. Foi um final de ano bastante calmo na rodovia com pouco movimento”, afirmou o comandante.

Na Operação Natal, que durou entre às 14 horas do dia 24 até às 23h59 do dia 27 de dezembro, foram registrados dois acidentes e cinco feridos. Uma redução 66,67% em comparação com o ano de 2019, quando a PRE registou seis acidentes. No ano passado, uma pessoa morreu e 13 ficaram feridas nas rodovias que cortam a região.

Já na Operação Reveillon, que foi das 14 horas do dia 31 de dezembro às 23h59 do dia 3 de janeiro, nenhum acidente, feridos ou mortes foram registradas. Em 2019, houve um acidente e três pessoas feridas.

Nas operações de 2020, o número de autuações e imagens a radar foi mais elevado.

De acordo com o subtenente, em 2019 o aparelho de radar não estava em aferição, ou seja, não houve registro. “Não foi feito operação utilizando o aparelho. Já neste ano o equipamento foi utilizado”, afirmou.  No Natal foram registradas 88 imagens de radar e no réveillon 67.

Com relação às autuações, ao todo foram 65 nas operações de 2020. No ano anterior foram 49. “Essas foram de ultrapassagem em local proibido, falta de cinto de segurança e farol apagado na rodovia”, esclareceu o comandante.

Batalhão Rodoviário registra queda de acidentes nas estradas estaduais

O Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) registrou 50 acidentes, com 81 feridos e sete óbitos nas estradas estaduais do Paraná, entre os dias 31 de dezembro e 03 de janeiro. O balanço aponta redução se comparado com o Ano Novo de 2020, quando foram 117 acidentes, 143 feridos e nove mortes.

Neste ano, somente no Litoral foram oito acidentes, nove feridos e uma morte em rodovia estadual. Os dados compreendem o período das 14h de quinta-feira (31/12) às 23h59 de domingo (03/01).

O boné vermelho da Polícia Rodoviária Estadual foi a mais vista pelos usuários que se deslocaram por todo o Paraná no fim do ano. Munidos de viaturas, motocicletas potentes e equipamentos de medição de velocidade de teor etílico, os policiais intensificaram abordagens, blitzes e fiscalizações relacionadas ao trânsito rodoviário.

“O trabalho da unidade foi um grande sucesso com toda a operação Réveillon, e os números falam por si. Tivemos uma redução no número de acidentes, de feridos e de mortos. Isso é fruto de todo um trabalho de uma equipe empenhada e de uma aplicação operacional e planejamento da Polícia Rodoviária”, destacou o comandante do BPRv, tenente-coronel Wellenton Joserli Selmer.

Neste ano, o Batalhão Rodoviário reforçou todas as operações e atividades preventivas e repressivas com relação à embriaguez ao volante. Nas abordagens, eles flagraram vários casos de motoristas embriagados e lavraram autuações. Nesta modalidade, foram feitas seis autuações e quatro prisões, contra 29 autuações e 22 prisões no mesmo período do ano anterior, uma queda de 79,3%% e de 81,8%, respectivamente.

As ações do BPRv também foram voltadas à fiscalização do excesso de velocidade. Radares móveis foram aplicados em pontos estratégicos das rodovias estaduais. Nos quatro dias do feriado deste Réveillon, foram feitas 4.509 imagens por radar, uma diferença de 2.296 imagens a mais do que foi registrado no mesmo período do ano anterior, quando foram 2.213. Devido à fiscalização de trânsito, houve uma queda de 44,2% nas infrações de trânsito; de 2.367 caiu para 1.320.

Outro ponto de destaque foi a aplicação dos radares móveis para inibir o excesso de velocidade e as autuações de trânsito, nas estradas litorâneas. Neste ano as equipes fizeram 222 imagens de radar e 203 autuações, contra 710 imagens de radar e 428 autuações no Réveillon passado na região.

O posto da PRE da PR-323 é responsável pela fiscalização de 202 quilômetros de rodovias que cortam a região, as rodovias PR-323, desde o Rio Ivaí até o Trevo de Mariluz; PR-082, trecho entre Terra Boa e Rondon; PR-567 até São Lourenço; PR-479 que vai para São Manoel do Paraná; PR-498 que vai do Rio Ivaí até a PR-082 em Japurá; PR-558 de Terra Boa ao entroncamento da PR-323 via Malú.

No Paraná, durante Ano Novo, foram 117 acidentes, 143 feridos e nove mortes
Foto: AEN

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.