Região tem 138 pessoas monitoradas por Covid-19 em nove cidades

Os números de casos monitorados por Covid-19 se alteram facilmente em todas as cidades da região. Esse número marca a quantidade de pessoas que vieram de outras cidades, viajaram recentemente e não apresentam sintomas. Além disso, é considerado uma forma de precaução. No momento, nos 12 municípios da região são 138 casos monitorados.

Enquanto Cianorte registrou 75 casos no último boletim, divulgado nesta quarta-feira, 06, as cidades de Tapejara, Guaporema e Indianópolis são as únicas cidades do Médio Noroeste a não registrar nenhum caso que exija monitoramento.

De acordo com levantamento feito pela TRIBUNA DE CIANORTE, em todos os municípios da região, Rondon é a segunda cidade que mais apresenta pessoas em monitoramento, são 21 casos, seguida por Japurá com 12 registros.

Conforme a vigilante sanitária de Japurá, Karine Ferreira Francisco, o monitoramento é diário. Segundo ela são monitoradas pessoas que vêm de áreas de risco. “Mantermos contato telefônico por sete dias e caso apresentam alguns sintomas, o monitoramento aumenta para 14 dias e essa pessoa passa a ser um caso suspeito, pois precisa realizar o teste de coronavírus”, explicou.

Segundo Karine, o número de casos monitorados aumenta e diminui regularmente.

Como esclareceu a Prefeitura de Cianorte, os casos monitorados são diferentes dos investigados, que são os que tiveram material coletado (conforme protocolo do Ministério da Saúde) e aguardam o resultado do exame.

Além disso, de acordo com informações da Secretaria de Saúde de Cianorte, os números de monitorados não apresentam perigo de novas confirmações do vírus, pois as pessoas que se enquadram nesse grupo não apresentam sintomas.

Óbitos

A região polarizada por Cianorte conta com três registros de mortes por coronavírus, em Cianorte, Japurá e Terra Boa.

A primeira morte registrada na Capital do Vestuário foi de um homem de 80 anos, no dia 4 de abril. O paciente havia realizado um cruzeiro nacional entre os dias 9 a 13 de março, onde provavelmente contraiu o vírus. Ele ficou internado em um dos leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santo Casa em estado grave e não resistiu. O caso foi confirmado no dia 2 de abril.

Em Jussara, um homem de 72 faleceu no dia 7 de abril na cidade de São Paulo. Ele saiu do município no dia 13 de março sem apresentar nenhum sintoma da doença e apresentou os primeiros sintomas no dia 28 de março. O paciente foi encaminhado pela filha a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e transferido no mesmo dia para um hospital. Depois de alguns dias internado, ele faleceu.

Em Terra Boa, a primeira morte foi registrada no dia 23 de abril. Um produtor rural de 61 anos, morador do Distrito de Malu, estava internado há mais de 20 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Hospital do Maringá e não resistiu. Ele havia frequentado uma reunião familiar e logo foi diagnosticado.

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp. Basta acessar o link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.