Senai é essencial para qualificar profissionais na retomada da indústria

O desemprego, acentuado pela pandemia do novo coronavírus, bate recordes no Brasil e atinge mais de 14 milhões de pessoas. No Paraná, o cenário já é de recuperação e a indústria é o segmento que mais tem gerado empregos. Muitas empresas, inclusive, começam a sentir falta de trabalhadores qualificados para ocupar as novas vagas. Para atender tanto as necessidades da população que busca recolocação quanto a demanda das indústrias, ganha ainda mais importância o trabalho do Senai, instituição que há quase 80 anos é referência na formação de mão de obra para o setor no país.

“O Senai tem importância vital para a indústria brasileira, que dificilmente teria se desenvolvido sem a excelência da formação técnica da instituição”, afirma Carlos Valter Martins Pedro, presidente do Sistema Fiep, entidade à qual o Senai está ligado no Paraná. “Muitas das profissões industriais exigem treinamentos complexos, com orientação de técnicos de ensino qualificados, cumprimento de normas específicas e utilização de equipamentos adequados. Quem possui o conhecimento e a estrutura necessária para isso é o Senai”, acrescenta.

Para Carlos Valter, a instituição deve ser ainda mais valorizada no momento atual, em que o estado e o país se preparam para uma recuperação econômica mais intensa e precisam investir na capacitação para incentivar a recolocação dos desempregados. “Trabalhamos pela indústria, em todo o Paraná, e o Senai tem totais condições de contribuir com esse movimento de retomada”, diz.

Estrutura – Dados do Senai nacional apontam que, desde o início da pandemia, em março, foram registradas mais de 1 milhão de matrículas em cursos autoinstrucionais de iniciação e aperfeiçoamento profissional. Número que reforça o interesse das pessoas pela profissionalização e o papel do Senai. No Paraná, são mais de 50 unidades oferecendo cursos de iniciação, aprendizagem industrial, qualificação, aperfeiçoamento e cursos técnicos, além de graduação tecnológica, extensão e pós-graduação por meio das Faculdades da Indústria.

Para saber mais sobre os cursos, acesse senaipr.org.br/cursocerto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *