Ipem-PR fiscaliza mais de 3 mil produtos domésticos

AEN

O Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem-PR) participou da Operação Nacional Casa Segura, realizada entre 4 e 8 de abril em todo país, comandada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), em conjunto com os órgãos delegados nos estados. Foram fiscalizados 3.167 itens, sendo todos aprovados pela fiscalização, que ocorreu em Curitiba e Cascavel.

Na ação especial, os agentes verificaram se os produtos utilizados com frequência nas residências, como cadeiras de plástico, escadas domésticas, panelas de pressão e panelas para uso em fogão, coifa ou exaustor elétrico de uso doméstico ou comercial, aspirador de pó elétrico e liquidificador doméstico, apresentaram o selo do Inmetro, que é obrigatório para esses itens.

O gerente de Fiscalização do Ipem-PR, Roberto Tamari, alerta que é essencial que estes produtos tenham o Selo do Inmetro – indica que passaram por rigorosa avaliação, para evitar que ofereçam riscos associados à saúde, segurança e proteção do meio ambiente.

Além dele, é importante que o consumidor fique atento às instruções do fabricante antes de utilizar o produto, lendo o manual, respeitando as informações ali contidas e utilizando de maneira correta para evitar acidentes. No caso da panela de pressão, por exemplo, o fabricante traz indicação sobre o volume mínimo e o máximo, que devem ser respeitados, diminuindo a probabilidade de explosões.

É importante também que o consumidor peça a nota fiscal, uma garantia para qualquer reclamação. Os produtos comercializados que não tenham o Selo do Inmetro e não obedecerem as regulamentações vigentes, poderão ser apreendidos, além de gerar multas. Neste caso, as empresas têm prazo para apresentar defesa e nota fiscal dos itens, fato que transfere as condições para o fabricante.

OUVIDORIA 

Caso encontre irregularidades, o consumidor pode entrar em contato com o Ipem-PR, por meio da Ouvidoria, pelo e-mail [email protected]br , telefone 0800 645 0102 ou através do site www.ipem.pr.gov.br, no link “Ouvidoria”.