Véspera de Carnaval movimenta terminal rodoviário de Cianorte

Da Redação

Apesar de muitas cidades terem adiado ou cancelado eventos no Carnaval 2022, aeroportos, rodovias e rodoviárias devem ter demandas maiores que no ano passado. Em Cianorte a movimentação já começou, e as vendas de passagens são pelo menos 20% maior que em 2021. O aumento discreto na procura por novos destinos está diretamente relacionado à alta brutal de casos de covid-19, desde a virada do ano.

De acordo com o encarregado da viação Expresso Maringá, João Antônio de Souza, os destinos mais escolhidos pelos cianortenses são Curitiba, Maringá, Umuarama, São Paulo e Mato Grosso do Sul. “O movimento está de acordo com o esperado durante o período. Muitas pessoas estão comprando as passagens adiantadas, com destinos variados”, comentou.

Apesar dos números da Covid, o avanço da vacinação contra a doença vem estimulando a população a viajar mais. Isso se refletiu nas festas de fim de ano de 2021 e nestas férias de verão em 2022.

O contraponto é que se não houve Carnaval tradicional em 2020 e 2021, nestes anos ainda não havia vacina para toda a população, diferente do momento atual. Os últimos feriados mostraram isso, com movimento intenso nas rodovias do Paraná, que também coincidiram com o fim da cobrança do pedágio no Anel de Integração.

CUIDADOS

Apesar da diminuição nas restrições, e avanço da vacinação, a contaminação pelo novo coronavírus ainda é uma preocupação. A indicação dos profissionais de saúde é que mantenham os cuidados, e principalmente o uso das máscaras.

O passageiro deve evitar colocar as mãos no rosto durante o trajeto (mantendo especialmente longe dos olhos, boca e nariz); levar sempre um recipiente com álcool em gel e aplicar nas mãos durante a viagem; assim que chegar ao destino, a recomendação é que lave as mãos antes de fazer qualquer outra coisa – inclusive antes de tirar a máscara