Servidores da educação aprovam greve contra a volta às aulas presenciais

Por CBN Maringá

O retorno das aulas presenciais no Paraná está agendado para o dia 18 de fevereiro. Mas os professores e servidores anunciaram que entrarão em greve a partir da mesma data, visto que são contra o retorno das aulas presenciais. A presidente do Núcleo Sindical de Maringá da APP-Sindicato, Vilma Garcia, afirma que a categoria vai aderir à deliberação de greve. Segundo ela, entre as justificativas da categoria está que as escolas não estão preparadas para retornar às aulas presenciais. Além disso, os servidores incluem outras demandas, como reajuste salarial.

A categoria pede que o retorno das aulas seja quando todos estiverem vacinados contra a Covid-19, inclusive as crianças.
A reportagem entrou em contato com a Secretaria Estadual de Educação que respondeu por meio de nota que “As escolas estão sendo preparadas e o processo vai se intensificar a partir da próxima semana. O treinamento para diretores já foi feito e para os professores isso vai acontecer nos dias 11 e 12 de fevereiro. A distribuição de aulas para os professores será feita a partir do próximo dia 3 e a Seed-PR está fazendo todos os trâmites administrativos necessários para contratação dos funcionários, para que todas as escolas iniciem o ano letivo supridas, garantindo o bom andamento do ensino.”

Com relação ao reajuste mencionado pela categoria, a SEED informou que a Secretaria de Estado de Administração e Previdência emitiu nota quando isso foi definido: “A suspensão de reajustes promovida pelo governo do estado tem como objetivo atender às exigências do governo federal, no que se refere ao repasse de recursos durante a pandemia”.

Segundo o Núcleo Regional de Educação de Maringá, a cidade tem 33 instituições de ensino e encerrou 2020 com cerca de 4 mil servidores da educação. Na regional, que abrange 25 municípios, são 94 escolas e cerca de 7.500 servidores.

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *