PRE registra dois acidentes com três mortes na Curva da Bica em 2020

A Curva da Bica, na rodovia PR-082, é um ponto conhecido por diversos acidentes e colisões em toda a região. Em 2020, foram registrados dois acidentes no local, que resultaram em três mortes e três feridos.

Conforme informações levantadas pela equipe da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), em todo o ano de 2019, no mesmo local ocorreram oito acidentes, com duas mortes e nove feridos. Já em 2018, o número de acidentes foi três vezes menor, foram três com quatro feridos e nenhuma morte registrada.

De acordo com o comandante do posto da PRE, localizado na PR-323, subtenente Sergio Dinardi, a rodovia PR-082 é uma das mais críticas na região. “De todos os trechos do perímetro, eu considero a PR-082 a mais dificultosa para o motorista. Apesar da malha dela não ser tão ruim, é uma rodovia que não possui acostamento e apresenta muito mato em volta. O perigo é maior, principalmente, na altura da Curva da Bica”, alerta o comandante.

Nos 60 quilômetros da PR-082, entre Terra Boa e Rondon (trecho administrado pelo posto da PRE), de janeiro a novembro de 2020, ocorreram 35 acidentes. Cinco pessoas morreram e 33 ficaram feridas. No ano passado, foram 77 atendimentos a acidentes com 76 feridos e seis mortes.

Já em 2018, foram 73 acidentes. Neste ano, 89 pessoas ficaram feriadas e duas morreram.

Mulher de 23 e homens de 21 e 47 anos morreram na Curva da Bica neste ano

O casal Matheus Aparecido Santos do Amaral 21 anos, e sua companheira que Thayla Rafaela Honório Palma de 23 anos morreram em uma colisão envolvendo dois carros e um caminhão no dia 18 de fevereiro deste ano.

O rapaz, que dirigia um Fiat Uno, foi desviar de um galho que estava na pista e invadiu a pista contrária, batendo de frente com um caminhão e, na sequência, ainda colidiu contra um Jeep Renegade. O carro das vítimas só parou quando atingiu uma árvore das margens da rodovia.

Com o casal ainda estavam duas mulheres e o filho deles, de apenas nove meses, que ficou gravemente ferido e recebeu atendimento médico.

O segundo acidente com vítima deste ano aconteceu na última quarta-feira, 4. Aroldo Luiz da Silva, 47 anos, dirigia a motocicleta CG 150 que se envolveu em acidente com um caminhão basculante.

O caminhão, que seguia no sentido Cianorte a São Tomé, foi atingido de frente pelo motociclista que trafegava no sentido contrário. Os dois veículos pegaram fogo após a batida.

O motociclista morreu no local e o condutor do ônibus não teve ferimentos.

Casal morre em acidente envolvendo dois carros e um caminhão. Foto: Renata Martins

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.