Policial de Sarandi é condenado e perde o cargo por receber propina para não coibir ‘jogo do bicho’

Por CBN Maringá

Um investigador de polícia de Sarandi foi denunciado pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) por recebimento de propina por permitir atividades de uma banca de “jogo do bicho” na cidade. A 1ª Vara Criminal de Sarandi o condenou por corrupção passiva. Segundo o MP, o proprietário e um funcionário da banca, também réus no processo, foram condenados por corrupção ativa.

Conforme investigações do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), os infratores teriam pago propinas de R$ 2 mil por mês, em 2017, para que o policial não fiscalizasse as atividades de ‘jogo do bicho’, que são ilegais.

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *