Polícia Civil esclarece morte de mulher e MP denuncia dois por feminicídio

A Polícia Civil concluiu as investigações sobre a morte de Márcia Coutinho de Siqueira Barbosa, 52, assassinada com quatro tiros na noite do dia 15 de março no interior de uma lanchonete, na Vila Operária, em Cianorte. A conclusão das investigações se deu após a prisão dos dois homens identificados como responsáveis pelo crime.

A elucidação do crime foi possível a partir das prisões de W.L.S, 25, e J.A.M.J, 33 anos. O primeiro foi preso ainda em flagrante horas depois do crime pela Polícia Militar em função de ter suas roupas reconhecidas por testemunhas e pelo fato de ainda estar com a arma utilizada para matar a vítima. O segundo indiciado foi preso no dia 11 por força de uma mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça a pedido do delegado-chefe da 21ª Subdivisão Policial de Cianorte, Jonas Peixoto do Amaral, que presidiu o inquérito.

De acordo com o delegado, Márcia Coutinho foi morta por vingança, por conta da sua suposta participação na morte de Rodrigo Luiz Santana, que tinha ligações com os dois homens presos. Amaral explicou que durante a investigação foi possível comprovar a ligação dos dois homens e a forma como a dupla planejou a morte da vítima.

Os dois foram indiciados por crime de feminicídio e denunciados à Justiça como autores do feminicídio pelo Ministério Público Estadual. A dupla permanece presa à disposição da Justiça.

Homicídios

De acordo com estatísticas da 21ª Subdivisão Policial de Cianorte, em 2020 a Capital do Vestuário registrou cinco homicídios. Destes, quatro crimes, a Polícia Civil considera esclarecido. Conforme o delega-chefe da SDP, as investigações desses crimes redundaram na prisão de quatro pessoas – duas delas ainda continuam presas – e uma é considera foragida, já que tem contra si um mandado de prisão expedido pela Justiça.

 

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp. Basta acessar o link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *