Homem é preso com veículo carregado com 20 fuzis e munições na PR-323

Um homem de 27 anos foi detido por equipes da Polícia Rodoviária Estadual da 4ª Companhia e policiais da 5ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e Operação com cães de Cianorte depois de localizarem 20 fuzis calibre 556, cerca de 100 munições e carregadores escondidos em um fundo falso dentro do carro Kia Sorento com placas de São Paulo. O armamento foi localizado com ajuda do cão Argos.

A ocorrência foi registrada por volta das 17 horas, desta segunda-feira, 22. O motorista trafegava pela PR-323, entre Cianorte e Tapejara. As equipes policiais estavam no trevo de Tuneiras do Oeste quando realizaram a abordagem ao veículo na altura do quilômetro 246.

O nervosismo do motorista e as placas de outro estado chamaram a atenção dos policiais. Além disso, questionado a respeito de seu trajeto, o homem deu informações contraditórias. No momento em que conversada com a equipe, ele recebeu uma mensagem no celular que informava que ele não deveria passar no local devido fiscalização do policial,

Questionado sobre a mensagem, o homem ficou nervoso e não soube responder. Neste momento foi acionado o apoio da 5ª CIPM e, com a ajuda do cão farejador, os policiais encontraram o armamento.

Segundo informações dos policiais, cada armamento vale cerca de R$ 30 mil no mercado negro. O destino das armas deveria ser São Paulo, local das placas do carro.

De acordo com a equipe policial, os patrulheiros da PRE do posto móvel e Rotam estavam realizando fiscalização no local em busca de ilícitos, descaminhos e armas.

A polícia ainda acredita que o veículo foi usado em outras situações.

As investigações continuam para saber exatamente o local para onde as armas seriam levadas, além de possíveis participantes.

Segundo o tenente Pedro Hahn, o cão que encontrou as armas é treinado para essa atividade e encontrou com facilidade o equipamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.