Homem de 36 anos é detido com 141 pedras de crack, cocaína e maconha

Um homem de 36 anos foi preso com 141 pedras de crack, 10 pinos e uma porção de cocaína e outros cinco invólucros de maconha em Japurá. Ocorrência foi registrada na madrugada deste domingo, 11, por volta da uma hora. Equipes da Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam) e Operações com cães da 5ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) atenderam a situação.

Em apoio ao efetivo local, durante patrulhamento na Rua Domingos Molena, a equipe viu um homem em frente a uma residência. Ao notar a presença da equipe policial, o suspeito apresentou nervosismo e foi rapidamente ao quintal de sua casa desconsiderando a ordem de parada.

De acordo com informações da PM, ele foi informado sobre o motivo da presença policial. Segundo o homem, ele não teria ilícitos em seu domicílio, informou aos policiais que mora sozinho há três meses no local e que veio de Rondon. O homem ainda disse que não tinha nenhum trabalho.

Mediante autorização para busca domiciliar, os policiais encontraram, ao lado do colchão do suspeito, uma pedra de crack embalada em papel alumínio e dentro de uma bolsa de viagem, no meio de suas roupas, um invólucro com pequena porção de maconha, além de diversas embalagens usadas no embalo e tráfico de cocaína.

Além disso, na carteira do indivíduo foi localizada certa quantia em dinheiro. Ele não soube explicar a procedência aos policiais.

Depois de encontrarem as drogas, em supostas condições de tráfico, foi solicitada a presença da equipe de Operações com Cães para auxílio nas buscas.

Depois de algum tempo, foram encontradas no beiral de madeira da casa, próximo da porta dos fundos, três meias masculinas com entorpecentes, uma com quarto invólucros de maconha; outra com dois recipientes em lata que armazenavam 140 pedras de crack e a terceira com 10 pinos de cocaína.

Diante dos fatos, o indivíduo recebeu voz de prisão e junto de todo material apreendido, drogas, dinheiro e seu celular, foi encaminhado à 21ª Subdivisão Policial para apresentação à autoridade competente e demais providências cabíveis à polícia judiciária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *