Região inicia novembro com 35 casos de dengue; Cianorte segue sem registros

Desde o início do novo ciclo da dengue, em agosto, os municípios da região somaram 35 casos confirmados de dengue, conforme o boletim da Secretaria de Estado de Saúde (Sesa) divulgado na quarta-feira, 4. Foram sete casos a mais do que no início de outubro.

Os casos notificados chegaram a 106 na última semana, 21 registros a mais em comparação com o início do mês passado.

Com relação ao boletim anterior, publicado na segunda quinzena de outubro, três registraram novas confirmações, Japurá e Terra Boa, registram um novo caso cada uma, chegando a três e sete confirmações, respectivamente. E São Tomé, cidade com maior número de casos de dengue, que confirmou cinco novos casos em 15 dias, chegando a 17 confirmações.

De acordo com a equipe da secretaria de saúde de São Tomé, os agentes da dengue e vigilância sanitária têm trabalhado constantemente para conter os avanços da dengue. “Fazemos uma rotina mais pesada, bloqueios, vamos ao cemitério fazer trabalho de limpeza, que faz parte do ciclo, e também realizamos trabalhos nas casas e limpezas nas ruas”, contou uma das enfermeiras da secretaria. “O trabalho não pode parar”, acrescentou.

No novo ciclo de dengue, apenas três cidades ainda não registraram casos, Cianorte, Guaporema e São Manoel do Paraná.

Conforme esclareceu a supervisora da Vigilância Ambiental e Programa de Combate às Endemias, Vera Lúcia Fusisawa Craveiro, a contaminação deve reduzir, pois quem já foi contaminado pelo vírus da dengue de tipo dois não será mais suscetível. “Pensando em toda a população imune, abaixa muito os que estão suscetíveis. Não que o vírus não circule, ele vai circular, mas quem já pegou esse tipo não vai pegar novamente. É uma população a menos que não vai pegar de novo, a não ser que seja outro tipo (são quatro diferentes)”, esclareceu.

Cianorte

No início do ciclo sazonal passado, entre os meses de agosto a novembro de 2019, Cianorte já havia registrado 117 casos confirmados de dengue, enquanto neste ciclo, ainda não houve registros da doença.

O período sazonal 2019/2020, foi o pior dos últimos 20 anos. Cianorte foi a cidade da região que mais registrou casos da doença, foram 4.408 confirmações. Em seguida aparecem Terra Boa (1.511) e Tapejara (1.422). As cidades da região juntas somaram 13.897 casos no período sazonal passado.

Em 2020, até o momento, Cianorte tem 4.235 casos de dengue. O mês de maior número de registros foi março, com 1.979 casos, seguido de abril com 956. Em maio os casos começaram a cair, foram 2017, depois 107 em junho, dois em julho e nenhum em agosto, outubro e novembro (até o momento).

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *