Fundhospar desenvolve ações para arrecadação de dinheiro

Carnês, venda de pizza, Cofrinho Solidário, doação de alimentos. O Setor de Ação Social da Fundação Hospitalar do Paraná (Fundhospar), antiga Santa Casa, realiza diversas ações com o objetivo de arrecadar dinheiro e alimentos para a casa de saúde. Todo o dinheiro arrecadado por meio das ações do setor social é destinado à melhoria do hospital.

“Não é para pagar medicamentos, apesar de precisarmos de dinheiro pra isso também. Mas o nosso setor trabalha com a melhoria do hospital, o ambiente para os pacientes”, explicou a supervisora do setor, Emily Mendes.

Uma das ações implantadas pela casa de saúde foi o Cofrinho Solidário, pequenos recipientes para guardar moedas e trocados que estão em 30 estabelecimentos pela cidade. “Temos 100 cofrinhos para colocar nesse primeiro momento e conforme for a arrecadação vamos implantar mais”, afirmou Emily. São 30 empresas, entre lojas, mercados, farmácias, mercados, que possuem os cofrinhos.

A ação é recente e completa um mês em julho. A coleta do dinheiro é feita mensalmente. “A gente colocou os cofrinhos nos estabelecimentos e próximo aos dias 10 e 15, passaremos recolhendo. Faremos a contagem, e colocaremos de volta nos locais”, disse a supervisora.

Carnê

O carnê foi implantado há cerca de dois meses. É um boleto que pode ser anual ou semestral. “Nós pegamos os dados pessoais da pessoa interessada para fazer o carnê de qualquer valor– a partir de R$10,00 – e levamos até à pessoa”, esclareceu Emily.

“Se a pessoa quiser doar R$10 por mês para ajudar o hospital, está ótimo! R$20, R$30, não importa. E caso a pessoa atrase para pagar não vai para protesto ou nada disso, pois é uma doação”, reforçou a supervisora do setor. O pagamento dos boletos do carnê pode ser feito por aplicativo, em lotéricas e bancos. As pessoas que tiverem interesse em adquirir um carnê podem entrar em contato pelo número (44) 99863-1999.

Pizza

O setor de ação social, por meio da equipe de eventos, ainda desenvolveu a entrega das pizzas, pelo segundo ano consecutivo. O setor tinha disponibilizado dois mil números para a compra de uma pizza, no valor de R$20,00, que será entregue no dia 11 de julho, das 10h às 14h, em frente ao Santuário Eucarístico no esquema Drive Thru. A venda da pizza segue até a próxima terça-feira, 7.

“Ainda temos cerca de 150 números para vender, tínhamos dois mil, mas devido à crise o pessoal não tem comprado como antes. Inclusive vamos tentar vender para os municípios vizinhos, pois também é uma forma de arrecadarmos”, contou Emily. O setor realiza outras ações, como a venda de feijoada, mas pela pandemia muitas atividades foram adiadas.

Segundo a supervisora, a pizza vem em uma caixa fechada e a equipe toma todos os cuidados necessários com relação à saúde. “A entrega será rápida para pessoa não precisar descer do carro”, afirmou. Os interessados em colaborar e retirar a pizza devem entrar em contato pelo número (44) 99977-4487.

“Tem várias formas de ajudar, nós do setor de Ações Sociais, sempre estamos arrecadando alimentos também. Nos mercados temos caixas para doação, também nas portas do hospital”, acrescentou Emily.

Doação

Além disso, também é possível fazer doações por meio dos bancos: Sicredi (748), agência 0718, conta 65.719-5; e Sicoob (756), agência 4340. Conta 162166-1. Favorecido: Fundação Hospitalar de Saúde (CNPJ n° 95.641.007/0001-07).

Outras dúvidas podem ser direcionadas ao telefone do hospital (44) 3351-1470, ou para o e-mail coordenaçã[email protected] .

Paraná Supermercados implantou o Troco Solidário

A rede Paraná Supermercados, com o objetivo de colaborar com uma fundação da cidade, criou o Troco Solidário, que recebe moedas de troco ou doações em dinheiro e as repassa para uma entidade. A escolhida em Cianorte foi a Fundhospar.

De acordo com o gerente do supermercado, Rodrigo Nepomuceno, todos os estabelecimentos da rede fazem uma ação de arrecadação e destinam o dinheiro como forma de colaboração. “Devido o tempo de pandemia, nós escolhemos a Fundhospar, que é o nosso hospital referência”.

Segundo o gerente, a cada mês o mercado arrecada um pouco mais. “Queremos alavancar a arrecadação. No primeiro mês foram R$700, o segundo R$900, esse esperamos R$1 mil. E queremos aumentar”, afirmou.

“No final da compra a operadora pergunta se a pessoa quer doar, ela registra a doação e é emitido um comprovante. É bem transparente e registrado pela Caixa Econômica Federal”, esclareceu o gerente.

Conforme Nepomuceno, as moedas que sobram ou que são deixadas por opção do cliente, além de ajudar o hospital, ainda colabora com o trabalho dos operadores de caixa, pois retira os valores quebrados e facilita o processo de fechamento do caixa.

As doações só são aceitas por meio do pagamento em dinheiro, mas qualquer valor é aceito.

Ao final da compra, os clientes podem colaborar com a Fundhospar. Foto: Renata Martins

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *