Sem certidão negativa, Santa Casa de pode interromper atendimento no meio da pandemia

Por Redação

A única unidade hospitalar com capacidade de atendimento de média complexidade na região, a Fundação Hospitalar do Paraná (Fundhospar), antiga Santa Casa de Cianorte, corre o risco de interromper o atendimento à população dos municípios da área de abrangência da 13ª Regional de Saúde da qual está credenciada.

A informação foi anunciada na noite de ontem, 8, através de uma nota oficial emitida pela direção da entidade em que revela que a fundação está sem Certidão Negativa de Débitos (CND).  Sem a CND, a casa de saúde não pode receber subvenção nem recursos públicos para seu custeio o que inviabiliza seu funcionamento e traz consigo o risco eminente da paralisação do atendimento a uma população de cerca de 160 mil pessoas de 11 cidades.

Conforme a nota, a entidade tem uma dívida de cerca de R$ 8 milhões, referentes a problemas financeiros ocorridos entre 2005 e 2008. Na época, o hospital chegou a passar por intervenção judicial a pedido do Ministério Público Estadual.

A direção da casa de saúde informa ainda na nota que já ingressou com um pedido de liminar para manter os repasses, mas o pedido ainda não foi analisado pelo judiciário.

Mais informações ao longo do dia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *