Estrutura do Centro de Triagem deve ficar aberta até 30 de setembro

O Centro de Atendimento à Síndrome Respiratória, instalado no Centro de Eventos Carlos Yoshito Mori, foi criado para atender pessoas com sintomas gripais e problemas respiratórios. O centro, erguido pela Prefeitura de Cianorte por meio do aluguel de uma estrutura física e compra de equipamentos (macas, remédios, respiradores, entre outros itens), começou a funcionar no dia 14 de maio e deve ficar à disposição da população até o dia 30 de setembro, com possível renovação de contrato de aluguel da estrutura.

De acordo com o prefeito Claudemir Bongiorno, a estrutura instalada dentro do Yoshito Mori foi alugada inicialmente por 90 dias (entre os meses de maio a julho), por R$ 40 mil por mês. Depois deste período, o contrato foi renovado. “Nós reformamos agora para agosto e setembro, até o dia 30. E conseguimos reduzir o aluguel para R$ 30 mil, devido ao aumento das ofertas”, afirmou.

Conforme o prefeito, a ideia é que a estrutura fique disponível no local até o final de setembro. “Acredito que é quando nós vamos parar de atender lá, se continuar do jeito que estamos agora. Começamos atendendo cerca de 120 pessoas por dia, hoje atendemos 70, 60. Tínhamos duas equipes e já estamos pensando em deixar uma só”, disse o prefeito.

“Provavelmente, até o final de setembro vamos devolver toda a estrutura e parar de pagar o aluguel. O restante é tudo nosso, os aparelhos, macas, é tudo da prefeitura. Vamos levar os equipamentos para os postos de saúde, Unidade de Pronto Atendimento (UPA), trocar as macas ruins pelas boas”, esclareceu o administrador.

Segundo Bongiorno, caso os casos voltem a crescer, o contrato de aluguel com a empresa que fornece a estrutura do centro de triagem será renovado. “Nós conversamos com a empresa e ficou certo que se for necessário reformamos o contrato por mais 30 ou 60 dias”, explicou. Até o momento a prefeitura já gastou R$ 120 mil de aluguel nos últimos três meses. Em agosto e setembro serão mais R$ 60 mil. Os gastos com equipamentos atingiram de R$ 300 mil.

Atendimento

Ao todo 3.818 pessoas foram atendidas no centro de triagem entre o dia 14 de maio a 10 de agosto. Na segunda quinzena de maio foram 340 atendimentos; em julho 1.622; em junho foram 1.410 e até o momento, em agosto, foram 446 atendimentos.

“Centralizamos todos os atendimentos com sintomas respiratórios no centro de triagem. Tosse ou qualquer sintoma, as pessoas deviam se direcionar ao centro”, afirmou o prefeito.

Redução dos casos

De acordo com o prefeito Claudemir Bongiorno, a curva de casos de Covid-19 em Cianorte está caindo. “Nossa curva está descendo e estamos colhendo bastante material. Não paramos de fazer exames”, afirmou o prefeito que também acumula a função de secretário de Saúde do município.

Segundo o prefeito, a orientação da saúde é para que caso uma pessoa tenha algum sintoma ela vá ao centro de triagem. “Lá já pode ser feito o exame e ainda receber o medicamento, não precisa espera o resultado para começar os cuidados”, disse.

De acordo com o prefeito Claudemir Bongiorno, a curva de casos de Covid-19 em Cianorte está caindo. Foto: Renata Martins

Prefeito pensa em flexibilizar medidas de prevenção e isolamento

Conforme Claudemir Bongiorno, a ideia é afrouxar mais as medidas de prevenção que constam no último decreto de número 150. “Faremos eventos a partir do dia 21, e daí começaremos a afrouxar mais as medidas. Talvez liberar um futebol de salão (futsal). Vamos ver como vamos estar até o final do mês”, disse o prefeito. Porém para que o afrouxamento aconteça é preciso analisar o reflexo do Dia dos Pais. “Foi dia de reunião familiar, então temos que ter cuidado”, acrescentou.

“Daqui uns 10 dias teremos uma ideia mais concreta com relação ao aumento ou não dos casos. Tivemos o Dia dos Pais e dois fins de semana com o comércio abrindo até às 17 horas”, disse o prefeito. “Se em torno do dia 20 de agosto observarmos que não houve um aumento significativo, eu acredito que dá para acreditar que as coisas estão melhorando e flexibilizar um pouco mais as medidas“, afirmou o prefeito.

Bongiorno ainda reforçou que a situação no município está controlada e que todos os cuidados estão sendo tomados. De acordo com o prefeito, além dos leitos disponíveis na Fundação Hospitalar do Paraná (Fundhospar) destinados à população da região, ainda existem 15 leitos disponíveis à população de Cianorte da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Devido situação controlada do avanço dos casos de Covid, prefeito pensa em flexibilizar medidas. Foto: Reprodução

 

WhatsApp Tribuna de Cianorte

Receba as principais notícias de Cianorte e região no seu WhatsApp, basta acessar o link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade da Tribuna de Cianorte.