Esportes

Xerife do Leão, Montoya revela ansiedade para início dos trabalhos

Zagueiro compõe grupo de jogadores que não forma negociados e que vão disputar temporada 2019
O zagueiro Montoya é um dos líderes do time do Cianorte que se prepara a partir de novembro para a temporada 2019 (Foto: MARTINS NETO / TRIBUNA)

Desde que o Cianorte FC foi eliminado ainda na primeira fase do Campeonato Brasileiro Série D deste ano, o experiente zagueiro Montoya, 33, tem trabalhado todos os dias para se manter em forma. O capitão do Leão acabou não conseguindo empréstimo para atuar por algum clube segundo semestre e seguiu treinando firme para chegar preparado na pré-temporada, que tem início marcado para o dia 26 de novembro.

“Esse período sem competição é um pouco chato. Para nós, que somos acostumados a jogar semanalmente e treinar todos os dias. Sentimos falta da rotina. Tenho seguido algo parecido. Tenho montado um cronograma de treinamentos com auxílio do Patrick (preparador físico do Cianorte FC), minha esposa, que é fisioterapeuta e com o Diego Strioto, que tem me ajudado muito. Estou seguindo à risca para chegar na pré-temporada bem perto do ideal” afirmou Montoya em entrevista a Tribuna de Cianorte.

Ansioso para o início dos trabalhos, Montoya também falou sobre a adaptação às mudanças que o clube vem passando, a começar pela troca no comando técnico.

“Estou na expectativa para que comece logo os treinamentos. Sabemos que, no ano que vem, teremos o Paranaense e a Série D. A expectativa é boa. Temos um novo comandante que é o professor Cristian. Não o conhecia pessoalmente, só ouvido falar. É uma nova filosofia que teremos que nos adequar e respeitar a maneira dele conduzir, todo mundo com o mesmo pensamento. Tempos que pensar grande” diz.

Com uma base formada, o Cianorte reforçará a equipe de forma pontual.  De acordo com a diretoria, cerca de oito reforços chegarão ao clube para a temporada 2019. Para Montoya, o clube sai na frente por conta de ter uma base pronta e adaptada ao clube.

 

“Temos exemplos no Estado de equipes que não conseguiram o acesso num primeiro momento, mas mantiveram a base e conseguiram no ano seguinte. Ter uma base formada facilita no entrosamento e na adaptação dos novos que chegarão. Tendo uma base o clube sai um pouquinho na frente” explica o zagueiro.

Outra novidade do clube é o centro de treinamentos próprio, que está em reta final de construção. Devidamente equipado e estruturado para receber os atletas, a “toca do Leão” será um divisor de águas na história do clube que, de acordo com Montoya, muda de patamar e passa a brigar por coisas maiores.

“O clube deu um passo importante com a construção do CT. É uma mudança de patamar. Com uma boa estrutura para os atletas, a tendência é o clube brigar e dar voos mais altos. Estou muito feliz em dar continuidade no clube. Estou ansioso para iniciar os trabalhos logo. Estamos cientes da responsabilidade que teremos e precisamos fazer bonito. É por isso que tenho me mantido focado para chegar bem na pré-temporada” concluiu.

O Campeonato Paranaense 2019 tem início previsto o dia 20 de janeiro.

ATLETAS VINCULADOS AO CLUBE QUE PODEM RETORNAR

GOLEIROS
•  João Gabriel (emprestado ao Vitória-BA)
•  Sílvio Walenga

ZAGUEIROS
•  Montoya
•  Willian Formiga
•  Feliphe Gabriel (emprestado ao Vitória-BA)
•  Maurício (emprestado ao Juventude-RS)

LATERAIS
•  Felipe Ramon
•  Fernandinho
•  Arroyo
•  Gerônimo
•  Guilherme Lucena

VOLANTES
•  Jovany
•  Sidnei
•  Rafael Carrilho (emprestado ao São José-RS)
•  Everton Morelli (emprestado ao América-MG)

MEIAS
•  Rafael Xavier
•  Eduardinho
•  França (emprestado ao América-MG)

ATACANTES
•  Gabriel Barcos
•  Pelézinho (emprestado ao Bahia-BA)
•  Thomas Anderson (emprestado ao Ypiranga-PE)
•  Maikinho (emprestado ao Juventude-RS)
•  Neto Costa (emprestado a Ponte Preta-SP)