Saúde

Vacinação contra gripe é prorrogada até dia 22

Em uma semana, seis pessoas morreram por complicações da doença no Paraná
["Campanha segue por mais uma semana em todo o pa\u00eds; meta est\u00e1 quase alcan\u00e7ada no Paran\u00e1","",""] (Foto: AGÊNCIA BRASIL)

O Ministério da Saúde prorrogou por mais uma semana a campanha de vacinação contra a gripe, que terminaria nesta sexta-feira (15). A adesão do Paraná foi confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), que registrou seis mortes pela doença em apenas uma semana.

As novas confirmações foram em Curitiba (duas), Astorga, Colorado, Guarapuava e São Mateus do Sul. Ao todo, 24 pessoas já morreram de gripe no estado neste ano e 178 contraíram o vírus. Por enquanto, não há casos confirmados da doença na região de Cianorte. No ano passado, 14 pessoas foram diagnosticadas com gripe. A última morte nos municípios da 13ª Regional de Saúde foi em 2016.

Com a nova prorrogação, a campanha segue até a próxima-sexta-feira (22). O secretário estadual da Saúde, Antônio Carlos Nardi, disse que “os municípios podem estabelecer o dia 23 de junho, sábado, como dia D de vacinação contra a gripe. Mas será o último dia em que haverá garantia de vacina para o público-alvo da campanha. A partir do dia 25 de junho, as doses disponíveis serão oferecidas à população em geral”.

De acordo com a Sesa, o índice de cobertura vacinal no estado era de 84,4% até sexta-feira. Em Cianorte, a meta já foi atingida. A preocupação maior é ampliar a vacinação entre crianças e gestantes. Os dois grupos de risco ainda têm cobertura abaixo do esperado em quase todo o Paraná.  

A vacina está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde de Cianorte. O horário de atendimento das UBSs é das 7h30 às 11h30 e das 13 às 17 horas. O público alvo da campanha são crianças com idade entre seis meses e cinco anos incompletos; gestantes; puérperas (mulheres que tiveram parto em até 45 dias); trabalhadores da área da saúde; professores; idosos; indígenas e doentes crônicos.