Cidades

Unidade de Coleta chama doadores para reforçar estoque de sangue para o feriado

A unidade local atende os hospitais de Cianorte e ainda envia bolsas para outras regiões do estado
Segundo as profissionais da unidade, todos os tipos de sangue são necessários no estoque, principalmente em períodos de recesso (Foto: MÔNICA CHAGAS / TRIBUNA)

A Unidade de Coleta e Transfusão de Sangue (UCT) de Cianorte começou o ano com um desempenho acima da média. Em janeiro, a média de doações diárias foi de 29 e o total de bolsas foi de 507 bolsas, mais de 100 a mais do que a média mensal normalmente contabilizada. A coordenadora do local, Munique Bernardino, acredita que as pessoas aproveitaram as férias para praticar o ato de solidariedade.

Mesmo assim, a unidade precisa reforçar o estoque para o feriado prolongado de Carnaval, quando a demanda dos hospitais geralmente aumenta em razão de acidentes e outras ocorrências. Segundo a direção do Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar), as coletas tendem a cair até 40% em feriados e datas comemorativas.

A UCT de Cianorte fica vai atender normalmente nesta quinta e sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. Nas sextas-feiras a coleta é encerrada às 15h30 por questões de logística. A unidade estará fechada na segunda e na terça e deve voltar a abrir na quarta-feira à tarde.

Segundo Munique, atualmente o estoque local consegue atender os 11 municípios de abrangência da 13ª Regional de Saúde de Cianorte e ainda envia bolsas para outras cidades. “Essa semana recebemos solicitações de diversas regiões do estado. Enviamos bolsas para Umuarama, Campo Mourão, Apucarana e Curitiba e ainda vamos enviar cerca de 70 para Cornélio Procópio. Por isso é importante que nosso estoque esteja sempre abastecido”, afirmou.

A coordenadora lembra que empresas, instituições e grupos interessados em realizar uma doação coletiva também podem procurar a UCT para agendar horários alternativos. O telefone para contato é o 3631-6292. Nesta quarta, por exemplo, um grupo de 20 pessoas foi à unidade depois do expediente e ajudou a garantir o estoque para o feriado.

Em 2017, foram coletadas 188.266 bolsas na rede Hemepar do estado. A hemorrede recebe 17 mil candidatos à doação por ano e, em média, 14 mil estão aptos a doar sangue. A rede também é responsável pelo atendimento de 2.135 pacientes portadores de doenças do sangue, como coagulopatias e hemoglobinopatias. Em um ano, a UCT de Cianorte foi responsável por 2343 transfusões de sangue e transferiu 1943 bolsas para outras cidades paranaenses.

DOADORES

Para ser um doador é necessário estar em boas condições de saúde, pesar no mínimo 50 quilos e ter entre 16 e 69 anos. Para a coleta, é preciso levar documento oficial com foto e menores de idade devem estar acompanhados pelos pais ou responsáveis.

Quem faz três ou mais doações em um período de 12 meses tem direito ao certificado de doador fidelizado. O documento garante benefícios como meia-entrada em shows, cinemas, exposições e jogos, entre outros eventos culturais e esportivos. (Com informações Agência Estadual)