Saúde

Terra Boa registra o maior índice de infestação predial de dengue: 14,8%

Agentes da saúde realizam trabalho para combate ao Aedes aegypti
Ambulatório da dengue já está disponível para atender casos de suspeita ou portadores do vírus do Aedes (Foto: Divulgação Google Imagens)

A Secretaria de Saúde do Paraná (Sesa) divulgou na terça-feira, 13, o índice de infestação predial (IPP) que apresenta o Levantamento de Índices Rápidos (LIRAa) para o mosquito da dengue. De acordo com o boletim. Terra Boa é a cidade do estado com o maior índice registrado, com 14,8% IPP por 100 mil habitantes.

De acordo com informações da Coordenadoria de Endemias da Secretaria de saúde de Terra Boa, os agentes de saúde realizaram um mutirão de limpeza na cidade e agora utilizam as bombas costais com o veneno Malathion disponibilizado pela 11ª Regional de Saúde com sede em Campo Mourão. Segundo o coordenador do setor endemias da cidade de Terra Boa, Levi Ferreira, a cidade conta com 20 litros do veneno, mas que, caso seja necessário, a Regional irá disponibilizar mais.

De acordo com Ferreira, os agentes realizam um bloqueio contra a dengue nos locais mais críticos da cidade. Dividida em setores, as primeiras regiões da cidade que recebem o veneno são próximas ao Estádio Municipal e à Vila Orlando Peraro, locais com maior número de focos e casos notificados. Em seguida, a Vila Fraternidade e Agrovila receberam o veneno.

Ferreira afirma que o veneno será aplicado em 100% das residências. “Apesar do índice apresentar um alto risco, estamos trabalhando muito para que a comunidade não sofra”, declarou o coordenador. Ferreira ainda acrescenta que os agentes fazem parte de uma equipe efetiva e treinada e que irão atender toda a região.

Ambulatório

Devido ao número de casos de dengue, a Prefeitura de Terra Boa junto a Secretaria Municipal de Saúde abriu o ambulatório da dengue, ontem, 13, na Unidade de Saúde Valdomiro Peres.

A unidade ficará à disposição de pacientes com suspeita de dengue ou portadores do vírus de segunda à sexta-feira, das 09h às 19h, e aos sábados das 07h às 19h.