Cidades

Saúde de Cianorte recebe dois veículos 0 km do Governo do Estado

Beto Nabhan, recebeu nessa terça-feira (09), dois automóveis do Governo do Estado, para o aprimoramento das ações em saúde (Foto: ASSESSORIA PMC)

Cumprindo agenda na capital paranaense, o prefeito de Cianorte em exercício, Beto Nabhan, recebeu nessa terça-feira (09), dois automóveis do Governo do Estado, para o aprimoramento das ações em saúde. O repasse foi oficializado pelo governador, Beto Richa, em solenidade realizada no Palácio do Iguaçu, com a presença de deputados, secretários de Estado, prefeitos e outras lideranças municipais. Ambos os veículos são modelo Gol/Volkswagen, zero quilômetro.

O prefeito de Cianorte agradeceu ao governador Beto Richa pelo repasse dos veículos e ao deputado Jonas Guimarães pela indicação. “Contar com veículos novos garante melhores condições de trabalho aos servidores e, consequentemente, contribui para a qualidade da prestação de serviços à população. Por isso, agradecemos ao governador, Beto Richa, ao secretário de Saúde, Caputo, e ao deputado estadual Jonas Guimarães, que estão sempre atentos às demandas de nosso município, fomentando o seu progresso”, disse Beto Nabhan.

INDICAÇÕES

Dentre os 41 municípios comtemplados com veículos esta semana, 15 foram atendidos por indicação do deputado estadual Jonas Guimarães: Araruna, Barbosa Ferraz, Boa Esperança, Cambará, Cidade Gaúcha, Doutor Camargo, Janiópolis, Japurá, Moreira Sales, Pérola, Rancho Alegre D’Oeste, Rondon, São Pedro do Paraná e Xambrê – sendo que cada uma destas cidades recebeu 1 veículo. Além da cidade de Cianorte, que recebeu dois veículos.

O deputado, que não pôde estar presente na solenidade, comemorou a conquista. “Felizmente já começamos o ano bem, com a entrega destes veículos para Saúde e vários municípios, que com certeza serão de grande utilidade. A Saúde é um setor fundamental e precisa de constantes investimentos. Agradecemos aos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores pelo apoio de sempre, e continuaremos trabalhando em parceria, ouvindo às suas reivindicações e buscando os recursos”, disse.