Cotidiano

Projeto de empréstimo de perucas já ajudou mais de 70 mulheres

Acessórios garantem autoestima durante o processo de queda dos cabelos, provocado pela quimioterapia
Projeto disponibiliza perucas para todos os gostos e sem custo para as usuárias (Foto: MÔNICA CHAGAS / TRIBUNA)

O projeto “Sempre Bela - Felicidade por um fio” completa cinco anos com o objetivo de despertar a solidariedade pela doação de cabelos e confecção de perucas, que auxiliam na recuperação e na autoestima de mulheres que lutam contra o câncer. A iniciativa da Associação de Senhoras de Rotarianos (ASR) já emprestou mais de 70 perucas e atualmente possui 15 à disposição.

Os cabelos são arrecadados em salões de beleza de Cianorte e região e enviados para a confecção de perucas em outras cidades. Depois de prontas, elas são repassadas a pacientes que perderam os cabelos durante o tratamento do câncer. De acordo com a atual presidente da ASR de Cianorte, Márcia Regina dos Santos Miniello, uma das novidades do projeto é a parceria com a ONG curitibana “Atitude na Cabeça”, que confecciona perucas personalizadas, similares ao cabelo original da usuária.

Segundo ela, a ideia é trabalhar a autoestima de mulheres que enfrentam a queda de cabelo durante a quimioterapia, o que influencia diretamente na condição psicológica. “Estamos aproveitando o Outubro Rosa para divulgar ainda mais nossas ações, pois muita gente que precisa ainda não conhece o projeto.”

Atualmente, mais de 30 perucas estão emprestadas para mulheres de Cianorte e outras cidades da região, mas a iniciativa já se expandiu até para países vizinhos. As perucas ficam com as mulheres o tempo que for preciso e depois de devolvidas são enviadas para manutenção e novamente colocadas à disposição.

A presidente da ONG Ensina-me a viver, Iraci de Sarges, usou uma peruca do projeto por oito meses, durante o tratamento de um câncer de mama, em 2016, e só tem elogios para a iniciativa. Ela raspou a cabeça depois da primeira quimioterapia vermelha e procurou as Senhoras de Rotarianos para saber mais sobre o projeto. “Para mim foi uma surpresa muito boa porque há uma infinidade de modelos, com cores e texturas diferentes. Então eu fui experimentando e escolhi uma que usei por bastante tempo. Era um charme, porque ter a opção de ter uma peruca, além dos lenços e turbantes, era diferente. Ela me dava a sensação de estar com cabelo, e pode parecer uma besteira, mas fazia muita diferença me olhar no espelho e me reconhecer, estar próxima da minha imagem natural.”

A coordenadora do projeto, Elza de Souza Toniolo, atende e cadastra as mulheres que precisam de perucas e também cuida da manutenção e conservação dos acessórios e das mechas de cabelos doadas. Para arrecadar material, o projeto conta com salões de beleza parceiros.

Este ano, a gestão da ASR também adquiriu suportes para as perucas e conquistou outras parcerias, como o salão de beleza Onça Pink, que oferece sobrancelha definitiva de graça para as pacientes que são atendidas pelo projeto, e a empresa Karícia Moda Íntima, que está confeccionando sutiãs adaptados com enchimento para mulheres que precisam retirar o seio.

CONTATO

Quem tiver interesse em ajudar o ‘Sempre Bela’ oferecendo serviços ou doando cabelo pode entrar em contato pelos telefones (44) 99980-0769, (44) 3018-2431 ou (44) 3631-9399. Mulheres que estão em tratamento contra o câncer e desejam utilizar uma das perucas também podem procurar as integrantes da ASR por esses números. (Com informações ASR)