Educação

Projeto capacita jovens de Cianorte para o desenvolvimento de acessórios

Alunas fazem parte de uma instituição assistencial de Cianorte e foram indicadas pela própria entidade para a atuação no programa (Foto: ASSESSORIA UEM)

No Câmpus Regional de Cianorte (CRC), um projeto de extensão do curso de Design está ensinando doze jovens, entre 14 e 17 anos, a produzirem acessórios e peças de joalheria. O projeto é financiado pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), pelo Programa Universidade Sem Fronteiras.

A iniciativa surgiu em abril de 2017, em um contexto no qual jovens oriundos do Ensino Médio têm dificuldade de inserção no mercado de trabalho. O objetivo do projeto, então, é capacitar adolescentes para iniciarem suas carreiras.

Além do coordenador, professor Bruno Razza, o projeto de extensão conta com um orientador e três bolsistas que ministram as aulas para o grupo. Bianca Lopes Costa, graduada no curso de Design da Universidade e bolsita do projeto, acredita que é uma oportunidade de aprendizado também para ela. "Uma experiência única."

As alunas fazem parte de uma instituição assistencial de Cianorte e foram indicadas pela própria entidade para a atuação no programa. Camila, uma das participantes do projeto, conta que se encanta em poder inventar modelos de pulseiras, colares e acessórios. Disse, também, que tem consciência que o conhecimento adquirido poderá ser muito útil nos próximos anos.

Bruno Razza diz que “as doze alunas estão muito felizes” e menciona que as aulas para as meninas são uma verdadeira festa. A empatia pelo trabalho já trouxe progresso para o projeto. Bianca afirma que “a personalidade de cada jovem é demonstrada em cada peça”.

O curso tem 50 horas de duração, divididas em aproximadamente cinco ou seis semanas. Após o término do projeto, as peças ficarão com os próprios alunos.