Cidades

Prefeitura de Cianorte pretende pavimentar Estrada Rodeio

["Prefeitura pretende asfaltar o trecho inicial de um quil\u00f4metro da Estrada Rodeio, que liga a rodovia Jos\u00e9 da Silva \u00e0 Estrada Pala "] (Foto: ASSESSORIA PMC)

A Estrada Rodeio, também conhecida como antiga Estrada para São Tomé, em breve, obterá melhores condições para a circulação de veículos. Isto porque, a Prefeitura de Cianorte pretende asfaltar seu trecho inicial de aproximadamente um quilômetro, que liga a rodovia José da Silva (via de acesso a Vidigal) à Estrada Pala (Venda Santo Antoninho), até o final do ano. A via rural é uma das mais movimentadas do município e dá acesso a dezenas de carreadouros.

 

“Essa é uma reivindicação antiga dos moradores que residem na região, a maioria em chácaras. Eles relatam que ao precisar se deslocar para a cidade a trabalho ou para resolver outros assuntos, enfrentam dificuldades, como muita poeira no tempo seco e o barro em dias de chuva”, conta o prefeito Claudemir Bongiorno, ao argumentar que pavimentar foi a solução encontrada. “Devido ao intenso movimento da estrada, as manutenções realizadas pela nossa equipe não são suficientes”, diz.

 

O revestimento a ser implantado na via, à exemplo das outras estradas rurais pavimentadas do município, é mais simples que o convencionalmente realizado na zona urbana, contando com terraplenagem, base, capa asfáltica e finalização viária. “Como se trata de uma estrada rural, que possui outros métodos para a drenagem da água, que são as caixas de contenção, ela não requer as obras complementares convencionais”, explica o secretário de Desenvolvimento Urbano, Nelson Magron Junior.

 

A Prefeitura de Cianorte pretende realizar a pavimentação através do Consórcio Público Intermunicipal de Inovação e Desenvolvimento do Estado do Paraná (Cindepar), iniciativa que pode reduzir o valor de insumos e serviços em até 70%. “Para que possamos participar desse Consórcio, que reúne 135 municípios do Estado, aguardamos a autorização da Câmara de Vereadores. Depois disso, pretendemos firmar o convênio e iniciar as obras”, informa Nelson. O investimento deve beirar os R$ 300 mil.