Educação

Prefeitura de Cianorte adquire kits de jogos pedagógicos para a rede municipal de ensino

Na oportunidade, as instituições também receberam cartilhas sobre educação no trânsito.
Maucir Marcuz fez a entrega de kits com cartilhas sobre educação no trânsito ao prefeito Bongiorno. (Foto: Tribuna de Cianorte)

Uma solenidade realizada na tarde dessa terça-feira (02), no auditório do Paço Municipal, reuniu diretoras e autoridades para celebrar a entrega de novos kits de jogos pedagógicos para a rede municipal de ensino. A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, adquiriu recentemente 17 kits para as 15 escolas e para o Centro de Atendimento Especializado (CAE). Os materiais trabalham a área congnitiva, visando a atenção, memória, raciocínio e linguagem; a afetiva, no controle de emoções, reação à frustrações e manifestações afetivas; e a motora, com imagem e esquema corporal, lateralidade e coordenação dinâmica manual, dentre outras.

“O kit visa melhorar o trabalho especializado oferecido nestes espaços, oportunizando ao aluno estratégias diferenciadas de aprendizagem, pois as salas de recursos multifuncionais são espaços organizados com materiais pedagógicos, equipamentos, e profissionais com formação para o atendimento às necessidades educacionais de cada estudante”, comentou a assessora educacional do Ensino Fundamental, Juliana Turetti Romeiro Peruci.

Presente no evento, o prefeito Claudemir Bongiorno destacou a importância de se investir na educação. “Nossa proposta sempre foi oferecer uma educação de qualidade, e estamos cumprindo e investindo mais do que a lei exige. Temos profissionais bem qualificados e precisamos de materiais de suporte aos trabalhos que já são desenvolvidos”, finalizou o prefeito.

EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

Na oportunidade, o chefe da 26ª Ciretran de Cianorte, Maucir Marcuz. acompanhado pela supervisora Elaine Dias, realizou a entrega de kits com cartilhas sobre a educação no trânsito, por meio do Projeto Detran na Escola. O material é destinado às crianças do ensino fundamental, do 1º ao 5º ano, da rede municipal. “O objetivo é que os estabelecimentos de ensino trabalhem o tema, de forma interdisciplinar, contribuindo para a mudança de comportamento, frente a situações de perigo ao redor das escolas, residência, trajeto residência/escola, e, consequentemente, diminua o número de acidentes”, destacou Marcuz.