Polícia

Polícia Militar encaminha quatro pessoas por tráfico e apreende mais de meio quilo de cocaína

Foi a maior apreensão de cocaína do ano em Cianorte; R$ 1.800 também foram apreendidos na ação
Quatro pessoas foram encaminhadas 21ª SDP juntamente com a droga, o dinheiro e os objetos (Foto: 5ªCIPM )

Uma ação bem sucedida da Polícia Militar tirou de circulação quatro pessoas envolvidas com o tráfico de drogas em Cianorte. O fato ocorreu no final da tarde de segunda-feira, 05, na Rua Pirapó, bairro Vila Operária. Foram apreendidos aproximadamente 510 gramas de cocaína, R$ 1.800 em dinheiro e um rádio transmissor sintonizado na frequência da PM. Foi a maior apreensão de cocaína registrada no ano em Cianorte.

Por volta das 18 horas de segunda-feira, a equipe de Radio Patrulha Auto (RPA) da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima de que uma mulher de Paraíso do Norte estaria a caminho de Cianorte com um taxista para entregar uma “peça” de cocaína a um homem, já conhecido do meio policial por conta do tráfico de drogas. Ainda de acordo com a denúncia, o taxista tinha conhecimento do ato e que as corridas eram feitas a mando do marido da mulher.

Diante da denúncia, as equipes da PM intensificaram o patrulhamento nos endereços em que o denunciado frequenta e, na Rua Pirapó, que fica na Vila Operária, foi localizado o carro do suspeito estacionado. As guarnições permaneceram nas imediações para observar a movimentação do local, visto que os indícios de tráfico de drogas eram fortes.

Em um determinado momento, o táxi encostou-se à frente da casa e foi possível ver uma mulher descendo com uma bolsa em mãos. A viatura se aproximou e os militares flagraram o momento em que a mulher passou um objeto idêntico a um tablete de cocaína para o homem denunciado. Ao constatar a presença da policia,o rapaz jogou o seu celular no chão com a intenção de quebrá-lo, falou “corre que deu ruim” e colocou o tablete que estava em suas mãos no interior da casa.

Diante do flagrante, a equipe entrou na residência e abordou homem, de 33 anos, que reconheceu que “havia perdido” e que a droga ficou em cima da cama, onde foi encontrado um tablete de cocaína, pesando aproximadamente 510 gramas. Durante a abordagem, sua esposa, de 21 anos, bem exaltada dizia a todo instante que o seu marido “não era ladrão, que ele só vendia cocaína”.

Ao mesmo tempo, a mulher que desceu do táxi, de 33 anos, foi abordada por outros policiais. Ela estava com o valor de R$ 300 e assumiu que trouxe a droga de sua casa, que fica na cidade de Paraíso do Norte.

Além da mulher, o taxista, um senhor de 44 anos, também foi abordado. Após buscas pessoais e também no veículo, nada de ilícito foi encontrado. Porém, após questionamentos, o senhor deixou claro que tinha conhecimento que a mulher transportava drogas com destino à Cianorte.

Durante a ocorrência, a esposa do homem de 33 anos foi questionada se havia algum objeto ilícito em sua residência, que fica na Rua Sapucaí, no mesmo bairro, e ela citou que haveria um rádio transmissor na frequência da Polícia Militar de Cianorte. A equipe ROTAM foi até o endereço e localizou o rádio transmissor, da marca GP-78, o valor de R$ 1.500 sem origem identificada, além de anotações referentes a comercialização da droga.

As partes foram conduzidas, juntamente com seus aparelhos celulares, até a 21ª SDP. O veículo táxi também foi apreendido por ter sido utilizado para o transporte da droga.

(Com informações da 5ª CIPM e Dia a Dia Notícias)

Foto: 5ªCIPM