Polícia

Polícia Ambiental prende dois homens por prática de pesca e caça ilegal

A dupla pescava de forma ilegal, e também praticava a caça de animais silvestres (Foto: DIVULGAÇÃO PM AMBIENTAL)

Na manhã de terça-feira (06) uma equipe de policiais ambientais de Cianorte flagrou dois homens pescando de forma predatória no Rio Ivaí, no município de Guaporema. O fato aconteceu próximo a balsa, e rendeu à dupla uma prisão em flagrante. Os homens, além de estarem pescando em período de piracema, também faziam uso de apetrechos predatórios.

Com os dois detidos, foram apreendidos vários peixes, que por estarem ainda vivos foram imediatamente soltos no leito do rio. Já na residência dos mesmos, localizada próximo ao local da prisão, foi encontrada uma arma de fogo tipo espingarda, de calibre 22, diversas munições, incluindo algumas de uso restrito, do calibre 7,62, e ainda diversos animais silvestres abatidos (perdiz, lagarto, capivara e tatus), além de um couro de capivara.

Os indivíduos foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil de Cidade Gaúcha, juntamente com os materiais apreendidos. Eles foram autuados em flagrante delito por pescar em período proibido e com uso de petrecho não permitido, também por posse de arma de fogo e munições de uso restrito e por matar animais da fauna silvestre.

Os dois homens ainda serão autuados em R$ 700 pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP), com acréscimo de R$ 20,00 por quilo de peixe capturado e R$ 500,00 por animal abatido.

Segundo divulgado pela Polícia Ambiental, a população pode contribuir no combate a crimes ambientais através de denuncia na 3ª Cia Ambiental pelos telefones, (44) 3901-1936 (Maringá); (44) 3637-3439 (Cianorte); (44) 3624-7630 (Umuarama) e (44) 3584-1175 (Porto Camargo). (Com informações Polícia Ambiental)