Polícia

PC instaura inquérito para apurar denúncia de abuso à criança de 2 anos

Vítima teria passado o domingo na casa do pai e retornado com sinais de violência
O delegado-adjunto da 21ª SDP, Carlos Gabriel Stecca acompanha a denúncia de abuso sexual contra criança de 2 anos (Foto: Martins Neto / Tribuna de Cianorte)

A Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar uma denúncia de abuso sexual contra uma criança de 2 anos em Cianorte. A vítima, que estaria sob a responsabilidade do pai no domingo, 1º, retornou para casa da mãe com hematomas nas partes íntimas, incluindo sangue nas fraldas.

A denúncia foi feita pela mãe e pela avó da criança. Os ferimentos foram constatados enquanto a avó dava banho na menina. Na casa do pai, onde ela passou o dia, estava ocorrendo uma festa entre amigos.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) de Campo Mourão na segunda-feira, 2, para passar por exames. No entanto, a criança não deixou o médico examinar suas partes íntimas. Haverá uma nova tentativa nos próximos dias.

“Serão ouvidas também as testemunhais, a mãe, o pai e a avó. Enfim, tentaremos esclarecer esta situação, comprovar eventual prática do abuso sexual”, afirmou o delegado-adjunto da 21ª Subdivisão Policial de Cianorte, Carlos Gabriel Stecca.

As fraldas com manchas de sangue foram recolhidas pela polícia e encaminhadas à perícia.

“Essas fraldas passarão por uma perícia para pesquisa de vestígios de sangue e sêmen de outra pessoa. Visando, caso tenha efetivamente ocorrido o abuso, identificar o responsável”, concluiu Stecca.