Cotidiano

Mitos e verdades sobre os suplementos alimentares

Saiba como conseguir os melhores resultados com uma rotina de alimentação saudável, exercícios físicos e a ajuda dos suplementos
(Foto: Getty Images)

O verão está chegando e com ele aquela vontade de alcançar um corpo bonito. Nessa época do ano, muita gente acaba apostando em dietas mirabolantes e no uso de determinados suplementos, na ansiedade de conquistar uma barriga sarada em um curto período. Mesmo sendo bastante utilizados, os suplementos ainda são alvo de muitas dúvidas a respeito de sua eficácia e de como funcionam. Mas, de tudo o que se fala sobre eles, o que será mito ou verdade?

Os suplementos alimentares, como o próprio nome diz, nada mais são do que um complemento da alimentação. Compostos por proteínas, vitaminas e minerais, eles têm como objetivo o enriquecimento nutricional da dieta, não sendo indicados somente para emagrecer ou melhorar a performance na academia.

No entanto, se a meta é o emagrecimento, ou o rápido crescimento dos músculos, por exemplo, os suplementos são valiosos aliados, mas saiba que os resultados não acontecem de uma hora para outra. Uma alimentação rica em frutas, verduras e legumes, associada à prática constante de exercícios físicos, é a principal receita para uma vida mais saudável.

Mitos e verdades sobre o uso de suplementos alimentares:

Whey Protein ajuda a aumentar os músculos - Verdade

Esse é um dos suplementos mais conhecidos quando o assunto é proporcionar ganhos de massa muscular. O suplemento de Whey Protein é considerado um dos mais saudáveis meios de crescimento dos músculos. Produzido a partir da proteína do soro do leite, ele é um complemento à alimentação, contribuindo para a ingestão adequada de proteínas de alto valor biológico, o que ajuda o indivíduo a alcançar as metas nutricionais necessárias para o ganho de massa magra.

O suplemento de whey protein também ajuda na prevenção da osteopenia ou osteoporose, pois contribui para o crescimento ósseo ideal e a manutenção de ossos saudáveis.

BCAA é indicado somente para quem está com uma lesão muscular - Mito

O BCAA é uma fonte de aminoácidos em cadeia ramificada. Tomar BCAA é indicado tanto para a recuperação de lesões musculares, formadas durante um treino intenso de musculação, por exemplo, como para melhorar o sistema imunológico e o desempenho na prática de exercícios físicos, assim como para acelerar o metabolismo e emagrecer.

Esse suplemento é contraindicado apenas para pacientes que estão em tratamento contra a depressão. Isso porque o BCAA pode alterar o nível de serotonina, substância que, na sua falta, pode alterar o humor, sono e uma série de outros problemas emocionais.

Apenas atletas profissionais devem tomar suplementos - Mito

Esses produtos acabaram ficando mais conhecidos por melhorar o desempenho na prática de exercícios físicos de alta intensidade, mas a verdade é que os suplementos alimentares podem ser incluídos na rotina de qualquer pessoa. Muitos deles são indicados para ajudar contra uma disfunção nutricional ou na prevenção de algumas doenças. Os polivitamínicos, por exemplo, são bastante recomendados para aquelas pessoas que não têm uma alimentação saudável, rica em frutas, verduras e legumes, pois ajudam a melhorar a saúde e o bem-estar de maneira geral.

Suplementos devem ser ingeridos na hora certa – Verdade

Uma vez que cada suplemento tem uma determinada função para o organismo, há horários ideais para que os resultados sejam obtidos da melhor maneira possível. No caso do BCAA, se o objetivo é o ganho de massa muscular, o indicado é ingerir esse suplemento depois de ir à academia, pois ele contribui para o reparo e construção de massa magra.

De maneira geral, recomenda-se que se busque a ajuda de um nutricionista para que o profissional defina os horários para se tomar os suplementos.

Maior quantidade de suplemento, melhores os resultados – Mito

Assim como horários certos, há quantidades certas de ingestão de suplementos alimentares. Quem deve definir o quanto de suplemento se deve tomar é o nutricionista. Dessa forma, o corpo não absorverá o excesso desnecessário de suplemento, que pode sobrecarregar os sistemas digestivo e urinário.

Com o tempo, a eficácia dos suplementos diminui - Mito

A eficácia dos suplementos não diminui com o passar do tempo. No entanto, é preciso estar atento para regular a dosagem necessária para os melhores resultados, na medida em que os treinos vão progredindo.