Esportes

“Leãozinho” tem sequência dura no Paranaense Sub-19

Cianorte FC recebe no sábado o Coritiba e na semana que vem enfrenta o Operário fora de casa
{"T\u00e9cnico Renato Haro":" \u201cFalta experi\u00eancia em alguns momentos\u201d"} (Foto: MARTINS NETO )

A segunda fase do Campeonato Paranaense Sub-19 promete muitas dificuldades para o Cianorte FC. No Grupo F ao lado de Toledo, Coritiba e Operário, o time cianortense terá grandes desafios pela frente.

A derrota para o Toledo, por 2 a 0, fora de casa, na primeira rodada, não estava nos planos da equipe. Mesmo longe de seus domínios, o objetivo da equipe era, ao menos, trazer um pontinho na bagagem. O técnico da equipe cianortense, Renato Haro, admite que falta experiência na equipe em alguns momentos.

“Não estreamos da forma que queríamos. Esperávamos pontuar em Toledo. É uma segunda fase muito difícil e, por termos uma equipe mais jovem, estamos sofrendo com algumas questões de equilíbrio de jogo. São atletas mais jovens, que estarão numa condição bem melhor para o ano que vem” afirmou Haro.

E a sequência é ainda mais “dura”. Agora, a equipe tem pela frente um grande da Capital do Estado. Em jogo válido pela segunda rodada, o “Leãozinho” recebe o Coritiba FC, no sábado, 18, as 10 horas, no Albino Turbay. Jogar diante de uma equipe deste nível pode ser uma grande oportunidade para mostrar potencial.

“O Coritiba é uma equipe grande e uma das principais da competição. Desde o início do campeonato a gente vem trabalhando para jogar este tipo de jogo. Venho conversando com os atletas com relação a isso. É um jogo que não acontece toda hora. A motivação é muito grande. Esse jogo é uma forma de expor o trabalho dos atletas e o que estamos fazendo aqui no clube. Tentaremos equilibrar o jogo para mostrar que nós também estamos reorganizando a categoria de base aqui no Cianorte. Estamos todos motivados” disse o treinador.

Após enfrentar o “Coxa”, o time de Renato Haro vai até Ponta Grossa para enfrentar o Operário Ferroviário. O jogo está marcado para o dia 25 de agosto, as 15 horas.