Polícia

Jovem que escondeu gravidez pede socorro e recém-nascido é encontrado morto horas depois

(Foto: Flávia Barros – Banda B)

Uma jovem de 21 anos, que não contou para a família que estava grávida, escondeu o recém-nascido dentro de um guarda-roupa após o parto em Colombo, na região metropolitana de Curitiba. De acordo com testemunhas, o socorro para a jovem foi solicitado no começo da manhã desta sexta-feira (31), devido a grande quantidade de sangue espalhado pelo quarto dela. O bebê foi encontrado morto horas depois.

A situação aconteceu no bairro São Dimas. Segundo vizinhos, a família da jovem não sabia de nada. “A mãe não sabia da gravidez, a menina é muito quietinha. Só fiquei sabendo quando vieram pedir a minha ajuda pela manhã, o quarto estava cheio de sangue”, relatou.

Pelo que foi apurado pela polícia, a família da jovem pediu socorro ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) dizendo que havia tido uma hemorragia. Na Unidade de Pronto-Atendimento, porém, parte da placenta foi localizada, o que despertou a suspeita de médicos. Questionada, a jovem confessou ter enrolado o bebê em um lençol e escondido o bebê dentro de um armário.

Segundo o tenente-coronel Ramos, do 22° Batalhão, tudo indica que a jovem tenha tirado a vida do recém-nascido. “Ela omitiu todas as informações já pela manhã, então não é possível neste momento saber como tudo ocorreu. Mas, por conta desta omissão, é provável que ela tenha cometido isso conscientemente após o nascimento”, comentou.

O caso foi repassado à Polícia Civil, que irá verificar todas as causas da morte do recém-nascido. A delegacia irá averiguar também, por exemplo, o possível acobertamento da família ao crime.

(Felipe Ribeiro e Flávia Barros - Portal Banda B)