Saúde

Índice de imunização contra a gripe atinge 89% em Cianorte

Grupos que menos procuraram o serviço foram as gestantes (74,4%) e as crianças (78,3%)
A vacinação contra gripe prossegue até o dia 15 em todas as unidades básicas de saúde (Foto: ASSESSORIA PMC)

Pouco mais de 14 mil pessoas já foram imunizadas contra a gripe A em Cianorte. O número representa 89,3% do público alvo da Campanha de Vacinação contra a doença que foi prorrogada até o a sexta-feira, 15.  O período para tomar a dose, que terminaria neste sábado (09), foi adiado para o dia 15 de junho. Até lá, quem ainda não recebeu a imunização deve buscar uma das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Cianorte, São Lourenço e Vidigal, que atendem das 07h30 às 11h30 e das 13h às 17h.

O prazo final foi estendido devido aos impactos ocasionados pelas manifestações dos caminhoneiros, e pela cobertura vacinal ter sido de apenas 66% do público-alvo do país, sendo que a meta estabelecida é de 90%. Os grupos que menos procuraram o serviço foram as gestantes (74,4%) e as crianças (78,3%).

“Mesmo estando acima do índice nacional, ainda temos um público que precisa ser atingido e intensificaremos os trabalhos para que todos sejam imunizados”, pontuou a secretária municipal de Saúde, Michelly Viguiato Pricinotto.

A vacina é recomendada para crianças de seis meses às menores de cinco anos de idade, pessoas com mais de 60 anos, gestantes, mães que estejam em até 45 dias pós-parto (puérperas), portadores de doenças crônicas (mediante apresentação de atestado e solicitação da vacina por prescrição médica), professores em atividade em escolas públicas e privadas, e profissionais da saúde.

“Lembramos aos adultos que, para receber a dose, é necessário apresentar a identidade e a carteirinha de gestante. Outro detalhe importante é que não se esqueçam de levar a caderneta de vacinação das crianças”, destacou a chefe da Divisão de Prevenção em Saúde, Heloisa Dantas. A dose é gratuita e protege os pacientes contra três subtipos da doença, sendo a H1N1, conhecida popularmente como Gripe A; a H3N2 e a influenza B.