Cidades

Índice de ausentes do Enem fica abaixo da média nacional

Do total de 2,7 mil inscritos, apenas 645 não compareceram no primeiro domingo de aplicação das provas
O segundo dia de provas será no próximo domingo em todo o país (Foto: MARIANA LEAL / MEC)

O primeiro dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), domingo (4), teve o menor número de candidatos ausentes dos últimos anos em todo o país, mesmo com a mudança do horário de verão. Dos mais de 5,5 milhões de candidatos inscritos, 4,1 milhões compareceram aos locais de provas, ou seja, 75,1% do total, contra 24,9% de ausentes. Em Cianorte, o índice foi ainda menor, de 23,6% do total de 2.724 candidatos. No Paraná, o percentual de faltosos ficou em 25,6% — 60.760 dos 237.342 inscritos.

A média nacional de ausência era de 30% desde que o exame começou a ser aplicado. No ano passado chegou a 32% e em 2016 foi 31,2%. O recorde foi em 2009, com 37,7% de ausentes. A aplicação das provas teve início às 13h30 e os estudantes tiveram 5 horas e 30 minutos para concluir o exame. O tema da redação foi “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”. Os participantes também responderam a 90 questões de múltipla escolha das áreas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; e Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Em Cianorte, as provas foram aplicadas na Universidade Paranaense (Unipar) e nos colégios CEC e Drummond. No próximo domingo (11), os candidatos retornam aos mesmos locais para prestar as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias (Química, Física e Biologia) e de Matemática e suas Tecnologias. Este ano, os participantes terão 30 minutos a mais que no ano passado para resolver as 90 questões de múltipla escolha das áreas designadas. Essa é uma das novidades da edição, que também ampliou, em cinco vezes, o número de detectores de ponto eletrônico.

Os gabaritos e Cadernos de Questões serão liberados em 14 de novembro, no site do Enem. Os resultados estão programados para 18 de janeiro de 2019.

BALANÇO

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a aplicação foi tranquila em todo o Brasil, sem ocorrências graves. Foram registrados 87 casos de interrupção de energia elétrica, mas em apenas dois locais de prova a aplicação precisou ser interrompida. Os casos são de Porto Nacional (TO) e Franca (SP): os participantes terão direito à reaplicação do primeiro dia, em 11 de dezembro, e deverão comparecer às provas do próximo domingo normalmente. Ao todo, 71 participantes foram eliminados - 67 por descumprimento de regras gerais do edital, dois por problemas após revista no detector de metal e dois por uso de ponto eletrônico. (Com Inep e Bem Paraná)