Estado

Governo repassa R$ 1,7 milhão para Cianorte, São Tomé e Tapejara

Cida assinou 77 convênios e contratos.
Cida Borghetti reuniu prefeitos, deputados e secretários de saúde ontem no Palácio Iguaçu (Foto: AEN)

A governadora Cida Borghetti liberou nesta segunda-feira, 5, pouco mais de R$ 1,7 milhão para os municípios de Cianorte, São Tomé e Tapejara. Os recursos serão investidos prioritariamente na reforma de unidade básicas de saúde. A exceção é em Tapejara, onde serão aplicados R$ 156, 9 mil para a aquisição de equipamentos para o Laboratório Municipal de Análises Clínicas.

Para Cianorte foram reservados R$ 897 mil que serão utilizados na reforma e recuperação de seis das doze unidades básicas de saúde. Já São Tomé vai receber outros R$ 653,2 mil para reforma da UBS Dona Tereza Garcia.

A governadora Cida Borghetti assinou ainda outros 74 convênios e contratos para ampliação dos serviços na área da saúde em outros 66 municípios do Estado. O valor soma R$ 100 milhões. Os compromissos foram formalizados no Palácio Iguaçu, em Curitiba, no mesmo evento em que a governadora anunciou novas medidas para a saúde da mulher e do bebê. A liberação dos recursos marcou o encerramento do mês de atenção integral à saúde da mulher, em maio.

Do total de convênios, cerca de R$ 94,7 milhões são para reformas, ampliações, adequações e compra de equipamentos para hospitais, além de contratos para serviços ambulatoriais e hospitalares pelo SUS-PR por meio do Programa de Apoio e Qualificação de Hospitais Públicos e Filantrópicos do SUS Paraná (Hospsus).

Os recursos também são destinados para obras em unidades básicas e qualificação de profissionais da atenção primária por meio do Programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde (Apsus).

Para Cida, esses repasses demonstram o compromisso do Governo do Estado com os paranaenses. “A saúde é um direito do cidadão e não tenho dúvida que é um dever do Estado levar qualidade de vida e bem-estar a toda a população do Paraná”, disse ela.

A governadora também reforçou que as pessoas vivem nas cidades e para elas que os investimentos devem ser feitos. “Temos que cuidar de todos que estão nos municípios com muito carinho e respeito. Fazemos isso desde o início desse Governo”, relatou.

Para o secretário de Estado de Saúde, Antônio Nardi, a área é tratada como prioritária no Estado. “Temos como foco a melhoria da saúde dos paranaenses e também dos grandes parceiros, como hospitais, que são essenciais nesse processo de construção de ações positivas que impactem diretamente na vida dos paranaenses”, disse ele.

NOVOS ESPAÇOS

Também foram autorizados cerca de R$ 400 mil para 16 municípios do Estado (R$ 25 mil para cada um) para a criação de espaços intersetoriais e promoção da articulação de políticas públicas no enfrentamento e prevenção de violência, além da promoção da cultura da paz. “São locais que promovem a cultura da paz e da não violência dentro dos municípios por meio da articulação de vários atores”, disse o secretário de Estado de Saúde, Antônio Nardi.

Para a secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, a criação desses espaços vai colaborar com a criação de novas estratégias. “Será uma nova forma de promover discussões sobre o tema da paz e da não violência e de encontrar maneiras de proteger mais ainda as nossas famílias”, afirmou.

Os municípios que terão espaços são Campo Magro, Itaperuçu, Mandirituba, Candói, Cantagalo, Palmital, Turvo, Marmeleiro, Goioerê, Iretama, Cruzeiro do Oeste, Faxinal, Jandaia do Sul, Assaí, Florestópolis e Ortigueira.