Cidades

Exposição do CAPS abre Semana da Luta Antimanicomial em Cianorte

Exposição apresenta peças produzidas nas oficinas terapêuticas nas duas unidades do Caps em Cianorte (Foto: ASSESSORIA PMC)

O saguão da Prefeitura de Cianorte começou a semana mais colorido. Desde segunda-feira (14), uma exposição de trabalhos realizados pelas duas unidades do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) está instalada no espaço e chamando a atenção para uma causa nobre: o fim de instituições manicomiais e a implantação de políticas públicas em saúde mental. A mostra é composta por artesanatos produzidos nas oficinas terapêuticas e faz parte das atividades alusivas ao 18 de maio, Dia Nacional da Luta Antimanicomial.

“Esta é uma data dedicada à reafirmação de que é possível tratar o paciente com transtorno mental sem isolá-lo do restante da sociedade em instituições psiquiátricas ou manicômios, onde, historicamente, inúmeros brasileiros eram abandonados e não recebiam o tratamento adequado. Por isso, neste momento, reforçamos para a sociedade o trabalho que é desenvolvido pelos CAPS de nosso município, tanto o adulto quanto o infantojuvenil, que buscam oferecer um tratamento humanizado, terapêutico, com oficinas, atividades de socialização e outras ferramentas para o bem-estar e qualidade de vida”, destaca a secretária municipal de Saúde, Michelly Poliana Viguiato Pricinotto.

“O movimento pelo fim das internações compulsórias e instituições manicomiais precisa do apoio da sociedade. Assim, convidamos os cianortenses para que venham conhecer um pouco do nosso trabalho. A mostra está muito bonita e foi montada com carinho para demonstrar os talentos e as potencialidades de nossos pacientes”, ressalta a chefe da Divisão de Saúde Mental, Thaise Dantas. A exposição segue até a sexta-feira (18), no horário de expediente da Prefeitura, que é das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30, e também conta com a distribuição de panfletos informativos.