Saúde

Em um ano, Paraná registra 22.946 casos de dengue e 23 mortes

Em todo estado, 96 cidades estão no patamar de epidemia
(Foto: ILUSTRAÇÃO/ PIXABAY)

O 44º boletim epidemiológico da dengue registra 22.946 casos da doença confirmados no Paraná. O informe publicado pela Secretaria de Estado da Saúde consolida os dados do período sazonal da doença, monitorado entre 29 de julho de 2018 até esta segunda-feira (29). O ciclo registra 23 mortes por dengue no Estado.

“Estamos encerrando mais um ciclo de acompanhamento dos casos de dengue e outras arboviroses. Mas as ações de Vigilância e combate ao mosquito transmissor da dengue seguem em todo Estado e, da mesma forma, manteremos o monitoramento para o novo período de 2019/2020”, explica a coordenadora da Divisão de Vigilância Ambiental da Sesa, Ivana Belmonte.

O secretário estadual da Saúde, Beto Preto, reforça o pedido à população para que não deixe de tomar medidas de combate ao mosquito Aedes Aegypti. “É exatamente agora, no inverno, que devemos observar atentamente e eliminar os criadouros que podem estar próximos, principalmente em lugares não tão comuns como o pneu velho no quintal ou os pratos dos vasos de plantas”.

Dados da dengue no Paraná

O Paraná encerra o período com 22.946 casos confirmados de dengue, 22.360 deles considerados autóctones, ou seja, em que as pessoas contraíram a doença no município onde residem. O Estado registrou neste ciclo 23 óbitos por dengue. Foram confirmados também 29 casos de chikungunya e cinco de zika vírus.

As 22 Regionais de Saúde do Estado registram casos da doença – 96 municípios estão no patamar de epidemia de dengue e 57 estão em alerta. Apesar do encerramento do período, os dados do Boletim Semanal Epidemiológico nº 44 estão sujeitos a atualizações em função da finalização de investigação de casos.

(Ric Mais com AEN)