Esportes

Cianorte vence a primeira na Série D

Vitória garante a vice-liderança do grupo e reanima jogadores e torcida
["A comemora\u00e7\u00e3o envolveu todo o elenco do clube, aliviado com o fim do jejum ","",""] (Foto: ASSESSORIA CIANORTE FC)

O Cianorte FC conseguiu o primeiro resultado positivo no Campeonato Brasileiro Série D, no domingo (6), diante do Novo Hamburgo. O jogo foi em casa e garantiu a segunda colocação do Grupo A16 ao Leão do Vale e um respiro de alívio ao time e aos torcedores. Quem pôs fim ao jejum de vitórias da equipe foi Neto Costa, que entrou no segundo tempo e marcou o único gol da partida.

Para o técnico Marcelo Caranhato, o resultado deixa o Cianorte vivo dentro da competição. “Foi uma vitória importante em cima de um adversário que nos impôs muita dificuldade. Nos primeiros 20, 30 minutos eles foram superiores, depois a gente conseguiu equilibrar e encaixar nossa maneira de jogar. No segundo tempo conseguimos ser efetivos nas poucas bolas que tivemos para fazer o gol e isso nos dá confiança e uma segurança maior para a sequência do campeonato”, afirmou.

Mesmo com a manutenção das críticas ao gerente de futebol do clube por parte da torcida organizada e com pouca presença de público, o clima de incentivo falou mais alto e ajudou os jogadores a correrem atrás do resultado.

O JOGO

A partida começou agitada para os dois times, que tiveram boas chances até os 20 primeiros minutos. Depois o jogo ficou mais restrito a disputa física pela posse de bola. O volante Jovany marcou bem e não deu espaço para o meio-campo do adversário trabalhar, mas levou cartão amarelo em uma jogada mais pesada e foi substituído por Carrilho, no intervalo.

O atacante Rodrigo Alves deu lugar ao estreante Ferreira, que incomodou o lado direito da defesa gaúcha com Fernandinho.

Aos 14 do segundo tempo, Caranhato fez sua última troca e apostou no centroavante Neto Costa, que entrou no lugar de Xavier. Aos 23 minutos, ele aproveitou o cruzamento de Gerônimo e marcou de cabeça, sem chances para o goleiro Carlão.

O gol fez a equipe de Paulo Henrique Borges subir para o ataque e pressionar o Leão, mas o empate não veio. A vitória representou uma saída da má fase para o Cianorte e a retomada do sonho de classificação para a Série C do ano que vem.

Em entrevista à fanpage Cianorte Futebol Online, Neto Costa falou sobre a importância do gol. “Eu fiquei muito feliz de ter feito o gol, porque foi o gol da superação. No retorno do estadual eu acabei não mantendo o mesmo ritmo e o Caranhato continuou me cobrando, falando que eu podia dar mais, e eu segui trabalhando agora na reta final e fico feliz de ter ajudado a equipe e estar à disposição.”

A próxima rodada será novamente contra o Novo Hamburgo, dessa vez na casa do adversário. A partida, que seria realizada no domingo, foi transferida para segunda-feira (14), às 20 horas, no Estádio do Vale, a pedido do clube mandante.

“Nós temos esse jogo em Novo Hamburgo que pode nos encaminhar bem para a segunda fase, mas é um jogo difícil, complicado, e contra um adversário muito forte, talvez um dos melhores que encontramos até agora. Nós temos que corrigir alguns erros e ter uma atuação melhor do que a do final de semana para confirmar esse resultado e aí sim visualizar uma sequência boa dentro da Série D”, afirmou Caranhato.

Os atletas tiveram folga ontem (7) e voltam a treinar hoje (8) no Albino Turbay, com uma sequência de trabalhos até domingo. A equipe viaja para o Rio Grande do Sul na segunda-feira. (Com Assessoria Cianorte FC)

FICHA TÉCNICA

CIANORTE FC 1 X 0 NOVO HAMBURGO
Cianorte FC: João Gabriel; Gerônimo, Montoya, Feliphe Gabriel Filipe Ramón; Jovany (Carrilho), Sidnei e Xavier (Neto Costa); Rodrigo Alves (Ferreira), Fernandinho e Thomas Anderson
Técnico: Marcelo Caranhato
Novo Hamburgo: Carlão; Maicon, Léao Dagostini, Rocardo Thalheimer e Assis; Henrique (Zotti), Fidélis, Willian (Conrado); Juninho, Branquinho (Henrique Santos) e João Paulo
Técnico: Paulo Henrique Marques
Local: Estádio Municipal Albino Turbay, Cianorte-PR
Data/Hora: 06/05/2018 - 16 horas
Árbitro: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
Assistentes: Douglas Almeida (MG) e Augusto Magno (MG)
Público/Renda: 304 pagantes - 344 no total / R$ 5.270
Cartões Amarelos: Cianorte – Jovany, Xavier, Thomas Anderson, Fernandinho. Novo Hamburgo – João Paulo e Branquinho
Gols: Neto Costa 23’/2T