Cidades

Cianorte registra pior saldo de empregos dos últimos cinco meses

Número de contratações formais superou o de demissões em apenas 14 vagas no mês de maio.
["Empresas locais n\u00e3o absorvem massa de trabalhadores desempregados e sem experi\u00eancia ","",""] (Foto: MÔNICA CHAGAS / TRIBUNA)

Depois de um quadrimestre de bons números para o mercado de trabalho local, o mês de maio fechou com um tímido saldo positivo de vagas em Cianorte. A diferença entre contratações (732) e demissões (718) foi de apenas 14 vagas, resultando no pior mês desde dezembro para o setor. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho.

Os números refletem o cenário do último mês: fechamento de empresas e cortes de pessoal. Segundo o gerente da Agência do Trabalhador local, Roberson Morales, a procura por emprego continua estável e atrai muita gente das cidades vizinhas. “A maioria das pessoas que está em busca de oportunidades não tem experiência, que é a principal exigência das empresas. O grande problema continua sendo a falta de qualificação”, afirmou.

Na microrregião, o saldo foi de 121 empregos com carteira assinada, em maio. Dos 11 municípios, apenas dois tiveram resultados negativos: Guaporema (-13) e São Tomé (-2). O melhor desempenho foi em Tapejara, com 45 vagas positivas. Cidade Gaúcha (29), Japurá (16) e Cianorte (14) vêm em seguida.

Na comparação com o mesmo período do ano passado, o saldo praticamente caiu pela metade. Em maio de 2017, foram 223 vagas positivas em toda a região. Os setores que mais contrataram foram a Agropecuária e Saúde e o que mais demitiu foi o de Serviços.

CENÁRIO ESTADUAL

Já o Paraná comemora o posto de terceiro melhor estado no ranking nacional de geração de empregos. Entre janeiro e maio deste ano, foram criadas 38.699 vagas, o que coloca o Paraná atrás somente de São Paulo e Minas Gerais.

O desempenho do mês de maio fez o estado subir de quinto para terceiro lugar. Em comparação com o mesmo período de 2017, o Paraná apresentou um aumento de 38%, com o melhor resultado dos últimos quatro anos. O saldo no mês passado foi de 1.798 postos com carteira assinada.

O setor que mais contratou em maio foi o de Serviços, com 3.010 postos de trabalho. Na sequência estão os setores de Construção Civil, Agropecuária e Extrativa Mineral. Dentre as atividades, pode-se destacar a construção de edifícios, que apresenta uma recuperação. Somente em maio a atividade registrou saldo de 502 novas contratações.

Dentre os municípios que mais contrataram no mês passado estão Curitiba, com saldo positivo de 954 postos de trabalho; Foz do Iguaçu, com 404 novos postos; e Ponta Grossa, com 288.

SERVIÇO

A Agência do Trabalhador de Cianorte vai funcionar em horário especial hoje (22), seguindo as repartições públicas municipais. O atendimento será das 12h30 às 17h30. A unidade fica na Avenida Paraná, 510. Para se candidatar a uma vaga de emprego é necessário levar RG, CPF e Carteira de Trabalho. O telefone para contato é o (44) 3629-3482. O quadro de vagas pode ser acessado pelo site: www.agenciadotrabalhadorcianorte.blogspot.com.br. (Com Agência Estadual)