Esportes

Cianorte Futsal decide neste sábado o título da Copa do Brasil

Primeiro jogo da série terminou empatado em 4 a 4. Em caso de nova igualdade haverá prorrogação e pênaltis
["Primeiro jogo da final ficou empatado em 4 a 4 em Tabo\u00e3o da Serra"] (Foto: JOÃO PAULO FLORIANO )

Chegou a hora de fazer história. O Baterias Júpiter/Unipar/Cianorte Futsal entra em quadra, neste sábado, 22, as 20 horas, no Ginásio de Esportes Tancredo Neves, em Cianorte, para decidir o título da Copa do Brasil de Futsal Feminino diante do Clube Atlético Taboão da Serra.

No confronto de ida, em Taboão da Serra (SP), as equipes empataram em 4 a 4 em um duelo emocionante. Com este resultado, o duelo fica totalmente em aberto. Quem vencer no tempo normal, fica com o título. Em caso de novo empate, haverá prorrogação e, persistindo, a decisão será nas penalidades.

O duelo é histórico. De um lado, o respeitadíssimo e multicampeão futsal feminino de Cianorte. Do outro, a forte equipe de Taboão, que conta com cinco atletas de seleção brasileira no seu elenco e vem crescendo a cada dia no cenário nacional. O campeão estará garantido na final da Supercopa, que reúne os campeões da Copa do Brasil e da Taça Brasil, para saber quem será o representante brasileiro na Copa Libertadores da América de 2019. A Taça Brasil será realizada em outubro e o Cianorte Futsal também estará na disputa.

O técnico das “Poderosas”, Cleverson Santana, terá força máxima para a decisão. Única dúvida, a goleira e capitã Júlia Melz já garantiu que estará em quadra. O último treino antes da final foi realizada nesta sexta-feira, 21.

“Todas as atletas estão a disposição da equipe. Tivemos uma boa semana de treino e corrigimos alguns detalhes. Estamos tranquilos e centrados” afirmou o técnico Cleverson Santana”

Um grande público é aguardado no “Tancredão”. Neste sábado, os ingressos estarão disponíveis somente na bilheteria do ginásio, que estará aberta a partir das 18h30. O valor é R$ 10.

“Necessitamos do apoio do torcedor. Lá em Taboão a torcida delas fez toda diferença. Contamos com o nosso torcedor para jogarmos juntos aqui também” concluiu Cleverson.