Esportes

Cianorte FC empata no último minuto e fica perto da classificação

O Cianorte correu atrás do resultado e saiu com um empate com gosto de vitória (Foto: ADILSON GERMANN / JEACOMUNICAÇÃO)

Não faltou emoção na partida que encerrou a quarta rodada da Série D do Campeonato Brasileiro, na noite de segunda-feira (14). Cianorte FC e Novo Hamburgo voltaram a se enfrentar, desta vez no Rio Grande do Sul, para disputar o segundo lugar do Grupo A16. Tomando um gol de pênalti no início da partida e mesmo com um a menos por praticamente todo o segundo tempo, o Leão não desanimou a garantiu o gol de empate no último minuto.

Com o resultado, o Novo Hamburgo está praticamente eliminado da competição. Na lanterna do grupo, o time tem apenas dois pontos. A Ferroviária também continua com dois pontos e o Tubarão disparou na liderança com 12 pontos e 100% de aproveitamento. O Cianorte ocupa a segunda colocação e pode se classificar para a segunda fase da Série D, daqui a duas rodadas, se estiver entre os 15 melhores segundos colocados. A próxima partida será contra a Ferroviária, em Araraquara, no sábado (19).

O JOGO

A partida começou ruim para a equipe cianortense, que teve um pênalti marcado a favor do time adversário logo aos seis minutos, quando o zagueiro Marcão derrubou o atacante João Paulo na grande área. Fidélis cobrou e abriu o placar.

O jogo ficou aberto e as duas equipes buscaram o gol durante todo o primeiro tempo. O Cianorte FC conseguiu chegar, mas perdeu boas oportunidades e não garantiu o empate.

O segundo tempo também não começou bem. Aos quatro minutos, Marcão cometeu mais uma falta grave e foi expulso, pois já tinha cartão amarelo.

A partir daí a tendência era que o adversário gaúcho fosse para o ataque, o que não aconteceu. O Leão foi mais agressivo, mesmo com um jogador a menos, e quase marcou em duas oportunidades. Marcelo Caranhato decidiu mexer: Ferreira deu lugar a Rodrigo Alves (Pelézinho); Xavier entrou na vaga de Thomas Anderson e Carrilho foi substituído por Morelli.

As mudanças deram mais volume de jogo ao Leão, que continuou atacando, e aos 46 minutos Xavier arrancou, fintou três marcadores e sofreu falta perto da área. Fernandinho bateu e empatou.

Para o técnico Marcelo Caranhato, a bola poderia ter entrado em outras oportunidades, mas o resultado deve ser valorizado. “Fomos melhor no jogo, mesmo com um a menos no segundo tempo. Temos que considerar o sacrifício, a doação de todos os atletas, a utilização do grupo com os três jogadores que entraram no segundo tempo e mantiveram o nível de atuação. Agora precisamos pontuar contra a Ferroviária, que é um adversário direto à vaga, porque ainda está em aberto, mesmo em segundo precisamos de uma pontuação que noz conduza à classificação e aos nossos objetivos de ir longe na Série D e conquistar o acesso”, afirmou.

SEGUNDA CHANCE?

Depois de perder a vaga para a Série D do ano que vem pelos últimos resultados no Campeonato Paranaense, o Cianorte tem uma segunda oportunidade. Isso porque apenas três equipes de inscreveram para a Taça Federação Paranaense de Futebol, torneio que vale a terceira vaga do estado na divisão do ano que vem e, pelo baixo quórum, a realização fica inviabilizada e a vaga iria para o Cianorte, pelos critérios técnicos do estadual

A informação foi confirmada pelo clube, mas que ainda aguarda a homologação para a divulgação oficial. Em entrevista à fanpage Cianorte Futebol Online, o presidente Lucas Franzato falou sobre o assunto: “Nós já sabíamos dessa oportunidade há algumas semanas e eu acho que ela coroa a regularidade do estadual, que não foi como a gente imaginava. Termos um calendário por dois anos seguidos depois de muito tempo é bom e temos que comemorar, mas não é isso que a gente quer, não queremos usar essa vaga, porque nós vamos buscar o acesso para a Série C.”