Esportes

Cianorte FC conquista vaga histórica para a terceira fase da Copa do Brasil

O Leão venceu o Criciúma nos pênaltis e se garantiu na próxima etapa da competição pela primeira vez
["Jogadores e comiss\u00e3o t\u00e9cnica comemoraram a classifica\u00e7\u00e3o no vesti\u00e1rio, ap\u00f3s a partida "] (Foto: ASSESSORIA CIANORTE FC)

Na noite de quarta-feira (21), o Cianorte FC entrou em campo para enfrentar o Criciúma, no Estádio Heriberto Hülse, em Santa Catarina, com um desafio inédito: chegar à terceira fase da Copa do Brasil pela primeira vez na história do clube. Jogando fora de casa e com desfalques, o time foi pressionado pelos catarinenses desde o início do jogo, mas aos 12 minutos do primeiro tempo Rafael Carrilho chutou de fora da área e abriu o placar.

O empate do Criciúma veio aos 30 minutos, num contra-ataque de Mailson. No finalzinho do primeiro tempo, o meia Xavier, recém recuperado de lesão, saiu machucado para a entrada de Richarlyson. A primeira etapa terminou com empate, o que levava o resultado para os pênaltis.

No segundo tempo, as duas equipes buscaram a virada a todo o custo e aos 23 minutos Carrilho recebeu o segundo cartão amarelo, foi expulso e deixou o Cianorte com um a menos. Mesmo com várias tentativas e finalizações, o terceiro gol da partida não aconteceu e a decisão foi para os pênaltis.

Nas cobranças, os dois times acertaram quatro e perderam uma. No desempate, Arroyo marcou para o Cianorte e o goleiro João Gabriel defendeu a bola de Carlos Eduardo, do Criciúma, e foi coberto de abraços pelos colegas de time. O Cianorte está na terceira fase da Copa do Brasil e ainda recebe R$ 1,4 milhão de premiação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Além disso, os cianortenses têm direito a 60% da renda da partida, cujo valor total foi de R$ 43.760.

Ao final da partida, o técnico Marcelo Caranhato elogiou o desempenho dos jogadores. “Hoje os atletas se superaram. É a primeira vez que o Cianorte consegue essa classificação e a gente veio com esse intuito, de fazer história, marcar o nome na galeria dos grandes treinadores do clube, mas nós sonhamos mais alto. E eu tenho certeza de que os atletas também têm essa consciência, de que a gente pode ir ainda mais longe na competição.”

PRÓXIMO DESAFIO

Na próxima fase, o Cianorte FC pega o Internacional-RS em dois jogos, de ida e volta. O primeiro será em Porto Alegre, na próxima quarta-feira (28) e o segundo está marcado para o dia 14 de março. A diretoria do clube, juntamente com a CBF, ainda definirá se o jogo será em Cianorte, no Albino Turbay, ou em Maringá, no Estádio Regional Willie Davids.

Caranhato também falou sobre o tamanho do desafio: “Nós temos que ter o entendimento de que o favorito é o Internacional. Agora precisamos recuperar nossos atletas, porque sabemos que o desgaste foi muito grande com essa sequência de jogos, e eu espero que a gente tenha um time fortalecido com alguns atletas saindo do departamento médico para jogarmos de maneira eficiente, porque não podemos errar contra o Inter”.