Esportes

Cianorte abre segundo turno com empate em casa

Mesmo insatisfeito com o resultado, o time manteve a invencibilidade em seus domínios
Equipe local não ficou satisfeita com o empate por 2 a 2 em casa (Foto: DIEGO MENEGON / CIANORTE FC)

O Leão do Vale recebeu o Paraná Clube em casa, no domingo (4), pela rodada de abertura da Taça Caio Júnior do campeonato estadual. Em um jogo equilibrado, o placar terminou 2 a 2 e as equipes começaram o segundo turno com apenas um ponto.

Mesmo com uma escalação alternativa, os cianortenses dominaram o início da partida, mas aos 17 minutos a defesa deixou Marcelo Baez passar e abrir o placar para o Paraná. O time local continuou criando oportunidades até que conseguiu empatar aos 35 minutos com André Luís.

No segundo tempo, o confronto ficou mais concentrado no meio de campo, o que acirrou as disputas de bola e rendeu trabalho às equipes médicas dos clubes. Vários jogadores precisaram de atendimento e quatro deles saíram após sentir.

Aos 32 minutos, Guilherme Lucena aproveitou a distração da marcação paranista e cruzou para Neto Costa marcar de virada. A partir daí o Cianorte se concentrou em segurar o placar, mas o árbitro marcou pênalti para o Paraná em um lance de mão de Richarlyson. O adversário não desperdiçou e empatou com Diego Gonçalves aos 38.

Com apenas um ponto os dois times ficam na terceira posição do Grupo A da Taça Caio Júnior, atrás de Foz do Iguaçu e Maringá e à frente de Cascavel e Coritiba. Mesmo com o resultado amargo, o Cianorte se manteve invicto no Estádio Albino Turbay e já volta a campo amanhã para enfrentar o Cascavel, às 20h, fora de casa.

Para o técnico Marcelo Caranhato, a postura do time tem que ser valorizada, principalmente considerando a atual maratona de jogos. “Pelas circunstâncias da partida nós saímos frustrados, porque poderíamos ter vencido. Mas o importante é valorizar o grupo, porque nós vamos jogar sete jogos em 20 dias... é desumano fisicamente. E nós estamos fazendo um rodízio que só se faz em time grande e estamos conseguindo fazer porque temos qualidade no elenco. Neste jogo nós mudamos quatro ou cinco peças e numa situação normal isso desconfiguraria toda a equipe, mas os atletas mantiveram o padrão”, afirmou.

Ainda de acordo com o técnico, os jogadores que não participaram da primeira rodada serão avaliados, principalmente os que estão no departamento médico e os que jogaram vão medir o desgaste físico para o próximo desafio.

REFORÇO

Com a contusão do goleiro Sílvio, que pode ficar até 30 dias fora, o Cianorte FC anunciou um novo reforço. O goleiro Juliano, de 20 anos, chega por empréstimo do Atlético Paranaense e fica no Leão até o fim do Campeonato Brasileiro Série D. O arqueiro já defendeu a seleção brasileira nas categorias de base.