Educação

CEEP de Cianorte conquista prêmio estadual de educação empreendedora

Cerimônia de premiação foi realizada no auditório do Sebrae, em Curitiba
A diretoria do CEEP Cianorte, Claudete Jacomini (E), e a coordenadora do curso, professora Vânia Alves de Barros (D) (Foto: Martins Neto / Tribuna de Cianorte)

O Sebrae/PR realizou na terça-feira, 2, em Curitiba, a 3ª edição do Prêmio Estadual de Educação Empreendedora, que reconhece as melhores iniciativas de estabelecimentos de ensino do estado. A solenidade premiou quatro categorias de ensino: fundamental, médio, técnico e superior. Motivo de orgulho para a Capital do Vestuário, o Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) foi o vencedor da categoria ensino técnico profissional.

Ao todo, foram 218 estabelecimentos do estado concorrendo aos prêmios. Os primeiros colocados de cada categoria ganharam também o direito de participar das etapas regional e nacional, que estão programadas para agosto.

Os cianortenses conquistaram o primeiro lugar através do Projeto Interdisciplinar CEEP Trendy, desenvolvido pela turma do curso Técnico em Vestuário, no qual os alunos tiveram a oportunidade de desenvolver uma empresa fictícia de confecção, passando por todos os processos de desenvolvimento, criação e comercialização dos produtos.

“Ficamos surpresos com a premiação. Foi um reconhecimento do trabalho executado na escola. Os professores trabalham muito em cima desse projeto. Só tenho que agradecer a toda equipe. É um trabalho interdisciplinar que envolve todos os professores da área. Foi uma pincelada de cada professor neste trabalho e o resultado final é maravilhoso”. afirma a diretoria do CEEP, Claudete Jacomini.

De acordo com a coordenadora do curso Técnico em Vestuário, professora Vânia Alves de Barros, o projeto tem o objetivo capacitar os alunos para o mercado de trabalho.

“Nós entendemos que Cianorte é a Capital do Vestuário, embora tenhamos essa crise econômica, mas ainda é o setor que mais emprega em Cianorte. Diante disso, pensamos em algo que possa trazer essa formação mais técnica, uma experiência para o aluno entrar no mercado de trabalho. O curso tem um perfil de saída e gente queria, através deste projeto, trazer para o aluno essa realidade do dia a dia da empresa” explicou a professora.

Na noite de desta sexta-feira, 05, os alunos do curso irão apresentar o projeto em um evento que será realizado a partir das 19h30 no CEEP, que fica na Rua Dom Pedro 2. O evento será aberto à comunidade.

VENCEDORES

O projeto vencedor no ensino fundamental foi o “Espaço Sabor do Campo”, realizado na Escola Municipal do Campo Pedro Mendes, no município de Mato Rico, que busca estimular os cerca de 60 alunos a identificarem oportunidades e desenvolverem projetos voltados para a economia rural. Entre os temas trabalhados estão a questão da higiene, a importância e a origem dos alimentos, modelos locais de agronegócio, técnicas de manejo, de produção, entre outros. 

A iniciativa premiada na categoria ensino médio surgiu do St. James’ International School, em Londrina. Os alunos tiveram a oportunidade de participar do St. James' Startup Tech, uma experiência de 24 horas de imersão que consistiu na criação de startups e na construção de planos de negócios voltados para a criação de soluções para problemas sociais.

No ensino superior, a Pontifícia Universidade Católica do Paraná foi a vencedora com o projeto do HUB de Empreendedorismo, iniciativa que envolve um conjunto de palestras e eventos ligados ao empreendedorismo, a formação com o ensino de matérias, suporte e programas de germinação de ideias e a execução de programas de inovação aberta, aceleração e incubação. O grande objetivo é estimular o networking, a geração de novas ideias, a criação de empresas e o crescimento do ecossistema inovador na cidade de Curitiba.

A cerimônia de premiação contou com a palestra “O Educador como modelador da Aprendizagem”, com a consultora, especialista em desenvolvimento humano, Ana Paula Frizzo, e a cantora Rafa Gomes encantou o público com mais de 300 pessoas, com seu talento e carisma. (Com informações do SEBRAE-PR)