Cidades

Casamento civil coletivo terá participação de 209 casais

Cerimônia acontece no dia 28, às 18h, no Complexo Esportivo da Unipar
Organizadores do Justiça no Bairro se reuniram com os casais que vão participar do casamento coletivo (Foto: ASSESSORIA PMC )

O clima de expectativa tomou conta do Centro de Eventos Carlos Yoshito Mori na noite de quinta-feira (19). Isto porque, os representantes dos órgãos responsáveis pelo Programa Justiça no Bairro reuniram os 209 casais, de Cianorte e dos outros 11 municípios que pertencem à Amenorte, que tiveram suas inscrições homologadas para o casamento civil coletivo, que será realizado no sábado (28), às 18h, no Complexo Esportivo da Unipar. O encontro serviu para passar informações e dicas sobre o cerimonial, bem como para esclarecer as dúvidas dos participantes.

“O casamento civil marca o início de uma nova história, até mesmo para os casais que convivem há um bom tempo na informalidade, pois passarão a desfrutar de uma união regulamentada pela lei, com base na igualdade de direitos e deveres dos cônjuges. Tenho certeza de que é um sonho que está sendo realizado, por isso não estamos medimos esforços para que seja uma ocasião maravilhosa”, destacou Fátima Bongiorno, primeira-dama de Cianorte e presidente de honra do Provopar.

Nesse sentido, a coordenadora do curso de Estética e Cosmética da Unipar, Giovana Mioto de Moura, lembrou que as noivas terão serviços de beleza à disposição, realizados gentilmente por professores e acadêmicas, conforme agendamento. “Esse é um momento marcante para a vida de todas vocês. Por conta disso, nossa equipe contribuirá para que todas se sintam ainda mais lindas”, disse.

Segundo a técnica de atividade do Sesc, Adriana Cristina do Vale, não há exigências quanto às roupas e nem restrições sobre o número de convidados. “No entanto, por ser uma ocasião tão significativa, incentivamos o uso dos trajes característicos dos noivos, como terno e vestido, além do convite aos familiares e amigos para que prestigiem o momento”, pontuou. Orientações sobre os procedimentos a serem realizados no dia como, por exemplo, horário de chegada, emissão das certidões, entrada e disposição dos casais, participação de pajens, bênção ecumênica, entre outras, também foram prestadas pela técnica.

A reunião também contou com a participação da primeira-dama de Rondon, Nanci Valotto; das servidoras Adriana Dias e Maria Zélia Pietraroia, da Secretaria Municipal de Assistência Social; da gerente da unidade do Serviço Social do Comércio (Sesc), Thainá Costa; e técnicos de outros municípios participantes.